NASCAR Sprint Cup: Kevin Harvick vence prova acidentada em Phoenix


TwitterFacebookWhatsAppGoogle+Pin It

Penúltima etapa da temporada teve vários acidentes, briga nos boxes, e Brad Keselowski (Dodge) assumindo a liderança do Chase, após Jimmie Johnson (Chevrolet) acertar o muro.

Faltando sete voltas para o final da Advocare 500, Jeff Gordon (Chevrolet) levou um toque de Clint Bowyer (Toyota), mas a amarela não foi agitada. Na 312ª volta, a última programada, Gordon deu o troco no rival, provocando um enorme acidente e a bandeira vermelha.

Gordon levou o carro destruído para os boxes, onde uma enorme confusão começou, entre o piloto e membros de sua equipe e a de Bowyer. A troca de socos e empurrões só não envolveu Bowyer, que saiu correndo em direção a confusão, para tirar satisfação com Gordon, mas foi contido por comissários da NASCAR.

Depois de cinco voltas com o carro de segurança na pista, prova recomeçou para mais duas voltas em bandeira verde. Harvick (Chevrolet), que tinha superado Kyle Busch (Toyota) pouco antes da confusão Gordon/Bowyer, em primeiro.

Na penúltima volta, Danica Patrick (Chevrolet) rodou e raspou no muro, mas a bandeira amarela não foi agitada. Harvick recebeu a bandeirada em primeiro, com 0s580 de vantagem sobre Hamlin, que passou Busch na relargada final. Busch, que liderou 237, das 319 voltas, terminou em terceiro.

O carro lento na pista de Patrick acabou provocando uma grande batida na linha de chegada. Patrick, Ryan Newman (Chevrolet), Mark Martin (Toyota), Kurt Busch (Chevrolet) entre outros, foram envolvidos na batida.

Kasey Kahne (Chevrolet) terminou em quarto, seguido por Newman. Brad Keselowski (Dodge), com o sexto lugar, e a batida no muro de Johnson, assumiu a liderança do Chase, faltando apenas uma prova para o final da temporada.

Johnson acertou o muro na 234º volta, após o pneu dianteiro direito furar. O pentacampeão, que começou a prova na liderança do Chase, levou o carro para a garagem. Ele conseguiu retornar a prova, depois de 38 voltas na garagem, mas sem chances de melhorar da 32ª posição.

Greg Biffle (Ford) terminou em 7º, seguido por Kurt Busch, Paul Menard (Chevrolet) e Martin.

A primeira bandeira amarela aconteceu na 17ª, com a batida de Mike Bliss (Toyota) no muro. David Gilliland (Ford) acertou o muro na 52ª volta, provocando a segunda amarela. Depois de mais de cem voltas em bandeira verde, detritos na pista acionaram a terceira amarela, na 167ª volta. A batida de Johnson no muro, na 234º, provocou a quarta amarela.

Com Johnson retornando a prova, David Ragan (Ford) acertou o muro, com a quinta amarela sendo agitada. A amarela seguinte foi provocada pela rodada de Tony Stewart (Chevrolet) na curva dois. Parceiro de equipe de Keselowski, Sam Hornish Jr. (Dodge) lambeu o muro entre as curvas 3 e 4, e acionou a 7ª amarela na 300ª volta.

Keselowski soma 2371 pontos, vinte a mais do que Johnson.

A última etapa, em Homestead, acontece no dia 18 de novembro.

Final:

1 – Kevin Harvick (Chevrolet) – Childress – 319 voltas
2 – Denny Hamlin (Toyota) – Gibbs – 319
3 – Kyle Busch (Toyota) – Gibbs – 319
4 – Kasey Kahne (Chevrolet) – Hendrick – 319
5 – Ryan Newman (Chevrolet) – Stewart/Haas – 319
6 – Brad Keselowski (Dodge) – Penske – 319
7 – Greg Biffle (Ford) – Roush – 319
8 – Kurt Busch (Chevrolet) – Phoenix – 319
9 – Paul Menard (Chevrolet) – Childress – 319
10 – Mark Martin (Toyota) – Waltrip – 319
11 – Carl Edwards (Ford) – Roush – 319
12 – Juan Montoya (Chevrolet) – Ganassi – 319
13 – Jeff Burton (Chevrolet) – Childress – 319
14 – Matt Kenseth (Ford) – Roush – 319
15 – Bobby Labonte (Toyota) – JTG – 319
16 – Aric Almirola (Ford) – Petty – 319
17 – Danica Patrick (Chevrolet) – Stewart/Haas – 319
18 – Marcos Ambrose (Ford) – Petty – 319
19 – Tony Stewart (Chevrolet) – Stewart/Haas – 319
20 – Travis Kvapil (Toyota) – BK – 319
21 – Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) – Hendrick – 317
22 – Casey Mears (Ford) – Germain – 317
23 – Jamie McMurray (Chevrolet) – Ganassi – 317
24 – Regan Smith (Chevrolet) – Furniture Row – 316
25 – Landon Cassill (Toyota) – BK – 316
26 – Dave Blaney (Chevrolet) – Baldwin – 316
27 – Joey Logano (Toyota) – Gibbs – 312
28 – Clint Bowyer (Toyota) – Waltrip – 312
29 – Timmy Hill (Ford) – MaxQ – 312
30 – Jeff Gordon (Chevrolet) – Hendrick – 309
31 – Sam Hornish (Dodge) – Penske – 299
32 – Jimmie Johnson (Chevrolet) – Hendrick – 281
33 – David Ragan (Ford) – Front Row – 280
34 – David Stremme (Toyota) – Inception – 86
35 – Stephen Leicht (Chevrolet) – Childress – 74
36 – David Gilliland (Ford) – Front Row – 50
37 – Josh Wise (Ford) – Front Row – 50
38 – Michael McDowell (Ford) – Parsons – 36
39 – Joe Nemechek (Toyota) – Nemco – 30
40 – David Reutimann (Chevrolet) – Waltrip – 28
41 – Mike Bliss (Toyota) – Humphrey Smith – 15
42 – Jason Leffler (Ford) – Humphrey Smith – 10
43 – Martin Truex Jr. (Toyota) – Waltrip – 10

Compartilhar
TwitterFacebookWhatsAppGoogle+Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *