NASCAR Sprint Cup Series: Kasey Kahne vence em Phoenix

Kasey Kahne (Toyota) venceu no domingo (13/11), a Kobalt Tools 500, no Phoenix International Raceway, 35ª etapa da NASCAR Sprint Cup Series, e 9ªdo Chase. Foi a primeira vitória do piloto da Red Bull no ano e 12ª na categoria. Carl Edwards (Ford) e Tony Stewart (Chevrolet) completaram os três primeiros.

Kahne assumiu a ponta, pela primeira e única vez na prova, na 299ª volta, com a parada de Brad Keselowski (Dodge) nos pits. Kahne não mais perdeu a liderança, recebendo a bandeirada com 0s802 de vantagem sobre Edwards. Kahne não vencia desde setembro de 2009, em Atlanta (jejum de 81 provas).

A vitória pode ter sido a última da Red Bull, que encerra as atividades na categoria no final do ano. Kahne assinou com a Hendrick Motorsports para 2012. 

Stewart, que dominou a primeira parte da prova, terminou em 3º, após liderar 160 voltas. Jeff Burton (Chevrolet) foi o 4º, seguido por Ryan Newman (Chevrolet) e A.J. Allmendinger (Ford). David Reutimann (Toyota), Marcos Ambrose (Ford), Paul Menard (Chevrolet) e Clint Bowyer (Chevrolet) completaram os dez primeiros.

Com os resultados apenas Edwards e Stewart lutam pelo título de 2011, na última etapa do ano, em Homestead, Miami, no dia 20 de novembro. Edwards soma 2359 pontos, três a mais do que Stewart.

Newman, 4º colocado, Denny Hamlin (Toyota) 12º, o atual pentacampeão Jimmie Johnson (Chevrolet), Brad Keselowski (Dodge) 18º, Kevin Harvick (Chevrolet) 19º, Kurt Busch (Dodge) 22º, Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) 24º, Jeff Gordon (Chevrolet) 32º, Matt Kenseth (Ford) 34º e Kyle Busch (Toyota) 36º, estão eliminados.

Foram oito bandeiras amarelas durante a prova. A primeira amarela aconteceu logo na segunda volta, quando David Ragan (Ford) e Regan Smith (Chevrolet) acertaram o muro. Cinco voltas depois Geoffrey Bodine (Chevrolet) escorregou, acionando a segunda. A terceira amarela, na 41ª volta, foi programada pela direção de prova. As duas amarelas seguintes foram provocadas por Geoffrey Bodine, na 92ª volta e 159ª volta. Na última ele abandonou de vez a prova. Na 168º volta o estreante Cole Whitt (Toyota) rodou, acionando a 6ª amarela.

A 7ª amarela provocou a grande polêmica da prova. Brian Vickers (Toyota) acertou Kenseth num claro revide pelo acidente de Martinsville, duas semanas atrás. Vickers confirmou que havia planejado a revanche. A batida eliminou de vez as chances de Kenseth conquistar o título.

A última amarela, na 220ª volta, aconteceu após Robby Gordon (Dodge) acertar o muro. As últimas 88 voltas foram em bandeira verde. Foram 14 trocas de liderança, entre sete pilotos.

Final:

1 – Kasey Kahne (Toyota) – Red Bull – 312 voltas
2 – Carl Edwards (Ford) – Roush – 312
3 – Tony Stewart (Chevrolet) – Stewart/Haas – 312
4 – Jeff Burton (Chevrolet) – Childress – 312
5 – Ryan Newman (Chevrolet) – Stewart/Haas – 312
6 – A.J. Allmendinger (Ford) – Petty – 312
7 – David Reutimann (Toyota) – Waltrip – 312
8 – Marcos Ambrose (Ford) – Roush – 312
9 – Paul Menard (Chevrolet) – Childress – 312
10 – Clint Bowyer (Chevrolet) – Childress – 312
11 – Joey Logano (Toyota) – Gibbs – 312
12 – Denny Hamlin (Toyota) – Gibbs – 312
13 – Greg Biffle (Ford) – Roush – 312
14 – Jimmie Johnson (Chevrolet) – Hendrick – 312
15 – Juan Montoya (Chevrolet) – Ganassi – 312
16 – Mark Martin (Chevrolet) – Hendrick – 312
17 – Jamie McMurray (Chevrolet) – Ganassi – 312
18 – Brad Keselowski (Dodge) – Penske – 312
19 – Kevin Harvick (Chevrolet) – Childress – 312
20 – Martin Truex Jr. (Toyota) – Waltrip – 312
21 – Bobby Labonte (Toyota) – JTG – 312
22 – Kurt Busch (Dodge) – Penske – 312
23 – Brian Vickers (Toyota) – Red Bull – 312
24 – Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) – Hendrick – 310
25 – Cole Whitt (Toyota) – Red Bull – 310
26 – Casey Mears (Toyota) – Germain – 309
27 – Dave Blaney (Chevrolet) – Baldwin – 309
28 – J.J. Yeley (Ford) – Front Row – 309
29 – Landon Cassill (Chevrolet) – Phoenix – 309
30 – Mike Bliss (Ford) – FAS Lane – 308
31 – David Gilliland (Ford) – Front Row – 307
32 – Jeff Gordon (Chevrolet) – Hendrick – 306
33 – David Ragan (Ford) – Roush – 298
34 – Matt Kenseth (Ford) – Roush – 238
35 – Robby Gordon (Dodge) – Gordon – 218
36 – Kyle Busch (Toyota) – Gibbs – 188
37 – Geoffrey Bodine (Chevrolet) – Baldwin – 153
38 – Regan Smith (Chevrolet) – Furniture Row – 62
39 – Scott Speed (Ford) – Whitney – 60
40 – Michael McDowell (Toyota) – HP Racing – 46
41 – Joe Nemechek (Toyota) – Nemco – 30
42 – Mike Skinner (Ford) – MaxQ – 25
43 – Travis Kvapil (Ford) – Front Row – 20

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *