NASCAR Sprint Cup Series: Kevin Harvick vence prova com duas bandeiras vermelhas

Kevin Harvick (Chevrolet) venceu no sábado (03/07) a Zero Coke 400, no Daytona International Speedway, 18ª etapa da NASCAR Sprint Cup Series. Foi a segunda vitória no ano do líder do campeonato e 13ª na categoria. Kasey Kahne (Ford) e Jeff Gordon (Chevrolet) completaram o podio.

A prova começou com 1h45m de atraso devido à chuva, que já havia cancelado na sexta-feira o treino classificatório. Foram nove bandeiras, sendo duas vermelhas, totalizando 37 voltas.

A última bandeira aconteceu na 159ª volta, a duas do final, devido a um acidente envolvendo Sam Hornish Jr. (Dodge), Elliot Sadler (Ford) e Kurt Busch (Dodge). Na relargada final Harvick largou pelo lado de fora de seu parceiro na Richard Childrees Racing, Clint Bowyer. Quando a bandeira verde foi agitada para a green-white-checkered finish (a volta final com a bandeira verde sendo agitada junto com a branca de última volta) Harvick assumiu a liderança, se defendendo de  Kahne nas voltas finais. Gordon foi o 3º.

Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) terminou em 4º, seguido por Jeff Burton (Chevrolet) e Carl Edwards (Ford). Kurt Busch (Dodge), que se envolveu nos dois acidentes que paralisaram a prova e danificaram seu carro, se recuperou, cruzando na 7ª posição. Reed Sorenson (Toyota) foi o 8º, com Mike Bliss (Chevrolet) em 9º e Scott Speed (Toyota) na 10ª posição.

Bowyer, depois de perder posições na última relargada rodou na volta final, terminando em 17º.

Kyle Busch (Toyota) dominou o começo da noite, liderando 23 voltas, mas terminando em 40º, depois de se envolver em dois acidentes. O primeiro com A.J.Allmendinger (Ford) e o segundo com Juan Pablo Montoya (Chevrolet) que acabou com o Toyota no muro na 103ª volta.

A primeira bandeira vermelha aconteceu após um múltiplo acidente na curva 3 que envolveu dezoito carros.

Faltando doze voltas para o final aconteceu a segunda “Big One”. Burton tocou no Dodge de Kurt Busch, com a batida envolvendo mais dezessete carros entre eles o tetracampeão Jimmie Johnson (Chevrolet), Tony Stewart (Chevrolet), Ryan Newman (Chevrolet), Montoya, Brad Keselowski (Dodge) e Mark Martin (Chevrolet).

Martin abandonou com seu carro em chamas no pit road. O serviço de resgate foi rápido em apagar o fogo no Chevrolet da Hendrick Motorsports, retirando Martin ileso.

Jamie McMurray (Chevrolet) abandonou após um acidente com David Ragan (Ford) na 106º volta; que também envolveu Martin Truex Jr. (Toyota).

Apenas 19 carros continuavam na pista quando a prova foi encerrada, pelo tempo limite, pouco depois da meia noite de domingo. Quatorze pilotos abandonaram após acidentes.

Todos os pilotos envolvidos em acidentes foram levados ao Centro Médico, sendo todos liberados depois.

Foram 47 trocas de liderança entre 18 pilotos. Harvick foi o que mais liderou, 28 voltas, faturando cinco pontos de bônus, além dos dez de bônus pela vitória.

Harvick lidera o campeonato com 2684 pontos. Gordon é o 2º com 2472 pontos, seguido por Johnson, com 2459.

A próxima etapa, a Lifelock.com 400, no Chicagoland Speedway, acontece na noite de sábado (10/07). 

Final:

1 – Kevin Harvick (Chevy) – Childress – 166
2 – Kasey Kahne (Ford) – RPM – 166
3 – Jeff Gordon (Chevy) – Hendrick – 166
4 – Dale Earnhardt Jr. (Chevy) – Hendrick – 166
5 – Jeff Burton (Chevy) – Childress – 166
6 – Carl Edwards (Ford) – Roush – 166
7 – Kurt Busch (Dodge) – Penske – 166
8 – Reed Sorenson (Toyota) – Red Bull – 166
9 – Mike Bliss (Chevy) – TRG – 166
10 – Scott Speed (Toyota) – Red Bull – 166
11 – David Reutimann (Toyota) – Waltrip – 166
12 – Robby Gordon (Toyota) – Gordon – 166
13 – Steve Park (Toyota) – Baldwin – 166
14 – Kevin Conway (Ford) – Front Row – 166
15 – Matt Kenseth (Ford) – Roush – 166
16 – Bobby Labonte (Chevy) – Phoenix – 166
17 – Clint Bowyer (Chevy) – Childress – 166
18 – Paul Menard (Ford) – Childress – 165
19 – J.J. Yeley (Dodge) – Whitney – 164
20 – Greg Biffle (Ford) – Roush – 163
21 – Sam Hornish Jr. (Dodge) – Penske – 159
22 – Elliott Sadler (Ford) – RPM – 159
23 – Robert Richardson Jr. (Ford) – K Automotive – 159
24 – Denny Hamlin (Toyota) – Gibbs – 158
25 – Tony Stewart (Chevy) – Stewart/Haas – 158
26 – Ryan Newman (Chevy) – Stewart/Haas – 148
27 – Juan Montoya (Chevy) – DEI/Ganassi – 148
28 – Mark Martin (Chevy) – Hendrick – 148
29 – Joey Logano (Toyota) – Gibbs – 148
30 – Brad Keselowski (Dodge) – Penske – 147
31 – Jimmie Johnson (Chevy) – Hendrick – 147
32 – Marcos Ambrose (Toyota) – Waltrip – 147
33 – Regan Smith (Chevy) – Furniture Row – 147
34 – Travis Kvapil (Ford) – Front Row – 145
35 – Martin Truex Jr. (Toyota) – Waltrip – 141
36 – A.J. Allmendinger (Ford) – RPM – 136
37 – David Stremme (Ford) – Latitude 43 – 135
38 – David Ragan (Ford) – Roush – 116
39 – Jamie McMurray (Chevy) – DEI/Ganassi – 116
40 – Kyle Busch (Toyota) – Gibbs – 103.
41 – Joe Nemechek (Toyota) – Nemco – 38
42 – Max Papis (Toyota) – Germain – 6
43 – Dave Blaney (Toyota) – Prism – 4

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *