NASCAR Sprint Cup Series: Kyle Busch vence em Kentucky

Kyle Busch (Toyota) venceu na noite de sábado (09/07), a Quaker State 400, no Kentucky Speedway, 18ª etapa da NASCAR Sprint Cup Series. Foi a 3ª vitória de Busch no ano e 22ª na categoria. David Reutimann (Toyota) e Jimmie Johnson (Chevrolet) fecharam os três primeiros.

Pole-position (devido à chuva que cancelou o classificatório) Busch manteve a ponta na largada, sendo superado pelo irmão Kurt Busch (Dodge) na seguinte. Os dois trocaram de posição várias vezes até a primeira bandeira amarela, programada pela NASCAR, na 30ª volta.

Kasey Kahne (Toyota) assumiu a ponta na relargada, na 36ª volta, contudo na seguinte Kyle Busch já era novamente líder. As 105 voltas seguintes foram em bandeira verde, com os pilotos fazendo duas paradas nos pits. Kyle abriu uma confortável vantagem de oito segundos, até que detritos na pista acionaram a segunda amarela, acabando com a vantagem do piloto da Joe Gibbs Racing.

Na relargada, na 147ª volta, Brad Keselowski (Dodge) era o líder, seguido por Tony Stewart (Chevrolet), ambos sem terem parado nos pits, Kyle Busch vinha em 3º. Apenas cinco voltas depois; aconteceu a 3ª amarela, devido a óleo na curva três.  Uma volta após a relargada, na 158º volta, Kyle Busch passou Keselowski, reassumindo a liderança.

Nas voltas seguintes, com os pilotos parando nos pits para reabastecimento e troca de pneus, Kyle Busch, Keselowski, Stewart, Denny Hamlin (Toyota) e David Ragan (Ford), se revezaram na primeira posição.
 
Na 200ª volta aconteceu a quarta amarela, com o estouro do motor de Jamie McMurray (Chevrolet). Na relargada, dez voltas depois, Keselowski liderava, com Kyle Busch em 2º e Johnson na 3ª posição.

Keselowski manteve a frente nas voltas seguintes, com Kyle colado em sua traseira. Ambos precisavam fazer a última parada nos boxes, e acabaram entrando juntos nos pits, na 248º volta. Busch saiu na frente do piloto da Penske Racing.

Na 254º volta Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) teve um pneu furado, logo após deixar os boxes, provocando a 5ª amarela. Ele retornou aos boxes, para trocar o pneu.

Cinco voltas depois, a bandeira verde foi agitada com Kyle Busch em primeiro.  Clint Bowyer (Chevrolet) acertou o muro na 262ª volta, provocando a sexta e última amarela. A relargada aconteceu a duas voltas do final, com Busch conquistando a vitória na primeira prova da NSCS no Kentucky Speedway. Ele liderou 125, das 267 voltas.

Reutimann, 0s179 atrás de Busch, foi o 2º, seu melhor resultado no ano. Johnson, que depois admitiu que não viu a bandeira branca, e pensou que ainda restava mais uma volta, terminou em 3º.

Ryan Newman (Chevrolet) chegou em 4º, seguido por Carl Edwards (Ford) e Matt Kenseth (Ford).

Foram seis amarelas, por 32 voltas, nas voltas 32-35, 141-146, 153-157, 201-209, 255-259, 263-265. Foram 20 trocas de liderança entre doze pilotos. A prova teve 2h55m00 de duração.

Kyle Busch assumiu a liderança do campeonato com 624 pontos, quatro a mais do que Edwards. Harvick é o 3º com 614.

Final:

1 – Kyle Busch (Toyota) – Gibbs – 267 voltas
2 – David Reutimann (Toyota) – Waltrip – 267
3 – Jimmie Johnson (Chevrolet) – Hendrick – 267
4 – Ryan Newman (Chevrolet) – Stewart-Haas – 267
5 – Carl Edwards (Ford) – Roush – 267
6 – Matt Kenseth (Ford) – Roush – 267
7 – Brad Keselowski (Dodge) – Penske – 267
8 – David Ragan (Ford) – Roush – 267
9 – Kurt Busch (Dodge) – Childress – 267
10 – Jeff Gordon (Chevrolet) – Hendrick – 267
11 – Denny Hamlin (Toyota) – Gibbs – 267
12 – Tony Stewart (Chevrolet) – Stewart-Haas – 267
13 – Kasey Kahne (Toyota) – Red Bull – 267
14 – Joey Logano (Toyota) – Gibbs – 267
15 – Juan Montoya (Chevrolet) – Ganassi – 267
16 – Kevin Harvick (Chevrolet) – Childress – 267
17 – Regan Smith (Chevrolet) – Furniture Row – 267
18 – Martin Truex Jr. (Toyota) – Waltrip – 267
19 – Jeff Burton (Chevrolet) – Childress – 267
20 – Marcos Ambrose (Ford) – Petty – 267
21 – Greg Biffle (Ford) – Roush – 267
22 – Mark Martin (Chevrolet) – Hendrick – 267
23 – Landon Cassill (Chevrolet) – Phoenix – 267
24 – Paul Menard (Chevrolet) – Childress – 266
25 – Casey Mears (Toyota) – Germain – 266
26 – Bobby Labonte (Toyota) – JTG – 266
27 – Brian Vickers (Toyota) – Red Bull – 265
28 – A.J. Allmendinger (Ford) – Petty – 265
29 – Travis Kvapil (Ford) – Front Row – 265
30 – Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) – Hendrick – 265
31 – David Gilliland (Ford) – Front Row – 264
32 – Andy Lally (Ford) – TRG – 264
33 – Dave Blaney (Chevrolet) – Baldwin – 264
34 – Mike Bliss (Ford) – FAS Lane – 264
35 – Clint Bowyer (Chevrolet) – Childress – 259
36 – Jamie McMurray (Chevrolet) – Ganassi – 198
37 – Scott Wimmer (Dodge) – Gordon – 90
38 – Tony Raines (Ford) – Front Row – 38
39 – Joe Nemechek (Toyota) – Nemco – 37
40 – J.J. Yeley (Chevrolet) – Whitney – 35
41 – Michael McDowell (Toyota) – HP Racing – 32
42 – Scott Riggs (Chevrolet) – Whitney – 28
43 – Mike Skinner (Toyota) – Germain – 17

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *