NASCAR Truck Series: Darrell Wallace Jr. vence pela primeira vez

Darrel Wallace Jr. (Toyota) venceu neste sábado (26/10), a Kroger 200, no Martinsville Speedway, 19ª etapa da NASCAR Camping World Truck Series. Foi a primeira vitória de um piloto negro na NCWTS. Brendan Gaughan (Chevrolet) e Jeb Burton (Chevrolet) completaram os três primeiros.

Após alinhar em terceiro no grid, Wallace Jr. dominou a prova, liderando 96 de 200 disputadas.  O piloto da Kyle Busch Motorsports recebeu a bandeirada com 1s673 de vantagem sobre Gaughan. Burton foi o terceiro.

Ben Kennedy (Chevrolet) terminou em quarto, seguido por Ryan Blaney (Ford). Denny Hamlin (Toyota), que alinhou na pole e liderou 66 voltas, terminou em sexto. Na 144ª volta, Hamlin rodou, após um toque com Matt Crafton (Toyota), líder do campeonato.

German Quiroga Jr. (Toyota), Johnny Sauter (Toyota), Scott Riggs (Chevrolet), James Buescher (Chevrolet) fecharam os dez primeiros.

O brasileiro Miguel Paludo (Chevrolet) terminou na 21ª posição. Paludo rodou na curva 2, na 90ª volta, provocando uma bandeira amarela.

A prova, na pista de apenas 0.526 milhas, teve 1m36s48 de duração, e dez bandeiras amarelas, por 52 voltas.  O acidente mais forte aconteceu na curva 2, na 188ª volta. Ty Dillon (Chevrolet) vinha em terceiro, quando acertou o segundo colocado Kevin Harvick (Chevrolet). A confusão também envolvendo Crafton  e Chase Elliot (Chevrolet). A prova recomeçou para mais cinco voltas em bandeira verde, com Wallace Jr., mantendo a ponta até o final.

Desde o dia 01 de dezembro de 1963, quando Wendell Scott venceu no Speedway Park, um piloto negro não vencia uma prova de uma das três principais divisões da NASCAR.

Após a prova, integrantes das equipes de Austin Dillon (Richard Childress Racing) e Kevin Harvick (NTS Motorsports) começaram a brigar no pit road. Oficiais da NASCAR tiveram que intervir para separar a acalmar os ânimos.

Harvick, que defende a RCR na Sprint Cup, estava furioso com Dillon, neto de Richard Childres, o acusando pelo toque. O veterano piloto declarou que esse era um dos motivos que estava deixando a equipe no final do ano. E que Dilon não tinha respeito pelo esporte.

Childress declarou estar muito decepcionado com o ocorrido. Dillon se defendeu, dizendo que não teve culpa no incidente.

Crafton (17º na prova) lidera o campeonato com 707 pontos, 51 a mais do que Buescher.

A próxima etapa acontece no Texas Motor Speedway, no dia 01/11.

Final:

1. #54 Darrell Wallace Jr Kyle Busch Motorsports 200 voltas em 1h34m47s
2. #62 Brendan Gaughan Richard Childress Racing + 1.673
3. #4 Jeb Burton Turner Scott Motorsports + 1.901
4. #30 Ben Kennedy Turner Scott Motorsports + 2.221
5. #29 Ryan Blaney Brad Keselowski Racing + 2.400
6. #51 Denny Hamlin Kyle Busch Motorsports + 2.631
7. #77 German Quiroga Jr Red Horse Racing + 2.850
8. #98 Johnny Sauter ThorSport Racing + 3.346
9. #92 Scott Riggs Ricky Benton Motorsports + 4.540
10. #31 James Buescher Turner Scott Motorsports + 4.659
21. #32 Miguel Paludo Turner Scott Motorsports + 8.297

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *