NASCAR Truck Series: Timothy Peters vence em Phoenix

Timothy Peters (Red Horse Racing Toyota) venceu na noite de sexta-feira (13/11) a Lucas Oil 150, no Phoenix International Raceway, penúltima etapa da NASCAR Camping World Truck Series. Foi a segunda vitória de Peters no ano, e decima na categoria. John Hunter Nemechek (SWM-NEMCO Motorsports Chevrolet) terminou em segundo, seguido por John Wes Townley (Athenian Motorsports Chevrolet).

Peters assumiu a liderança, após uma forte batida entre Erik Jones (Kyle Busch Motorsports Toyota) e Matt Crafton (ThorSport Racing Toyota).

Líder da temporada, Jones dominava a prova, quando em um relargada na 120ª volta, em uma disputa lado a lado com Crafton (que busca o tricampeonato), os dois se tocaram na curva 4.

Jones foi direto no muro de fora, com Crafton derrapando para a esquerda, colhendo o parceiro de equipe Johnny Sauter. Os carros da ThorSport ficaram muito danificados, com Sauter não tendo condições de retornar. A bandeira vermelha foi acionada.

Com a bandeira amarela agitada, os mecânicos de Crafton iniciaram um trabalho frenético para colocar a danificada camionete em condições de retornar a pista.

Peters, que logo na sexta volta se envolveu em um múltiplo acidente, manteve a liderança na relargada. Para vencer com 0s309 de vantagem sobre Nemechek. Townley foi o terceiro.

Com a vitória, a Toyota garantiu o título de construtores.

Daniel Suarez (Kyle Busch Motorsports Toyota) terminou em quarto, seguido por Tyler Reddick (Brad Keselowski Racing Ford).

Spencer Gallagher (GMS Racing Chevrolet), J.J. Haley (Braun Motorsports Chevrolet), Matt Tifft (Kyle Busch Motorsports Toyota), Jones (que liderou 106 voltas) e Mason Mingus (Billy Boat Motorsports Chevrolet) completaram os dez primeiros.

Crafton voltou a prova, completou mais dez voltas. Sendo o 23º no final.

A prova marcou a estreia na categoria de Rico Abreu (NTS Motorsports Chevrolet). Portador de nanismo, Abreu compete na  NASCAR K&N Pro Series East. Ele abandonou logo na 44ª volta, ao ser envolvido em um acidente. Parceiro de equipe de Abreu na  NASCAR K&N Pro Series East, William Byron (Kyle Busch Motorsports Toyota) abandonou logo na sexta volta, no múltiplo acidente que envolveu entre outros Peters.

Jones lidera o campeonato com 861 pontos, seguido por Reddick com 842. E Crafton com 829.

A última etapa acontece no dia 20 de novembro, no Miami-Homestead Speedway. 

Final:

1. Timothy Peters Red Horse Racing Toyota 150 voltas em 1h37m05s

2. John Hunter Nemechek SWM-NEMCO Motorsports Chevrolet + 0.309s 

3. John Wes Townley Athenian Motorsports Chevrolet + 2.184s 

4. Daniel Suarez Kyle Busch Motorsports Toyota + 3.606s 

5. Tyler Reddick Brad Keselowski Racing Ford + 5.517s 

6. Spencer Gallagher GMS Racing Chevrolet + 6.866s 

7. J.J. Haley Braun Motorsports Chevrolet + 7.784s 

8. Matt Tifft Kyle Busch Motorsports Toyota + 8.041s 

9. Erik Jones Kyle Busch Motorsports Toyota + 16.365s 

10. Mason Mingus Billy Boat Motorsports Chevrolet + 20.431s 

Campeonato:

1. (–) Erik Jones # 861pts 

2. (+1) Tyler Reddick 842pts (-19pts) 

3. (-1) Matt Crafton 829pts (-32pts) 

4. (–) Johnny Sauter 772pts (-89pts) 

5. (–) Timothy Peters 765pts (-96pts) 

6. (–) Cameron Hayley # 731pts (-130pts) 

7. (–) Daniel Hemric # 697pts (-164pts) 

8. (–) John Wes Townley 695pts (-166pts) 

9. (–) Ben Kennedy 650pts (-211pts) 

10. (–) Spencer Gallagher # 644pts (-217pts) 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *