Old Stock Race: Marco Maragno e Carlos Freire vencem a segunda prova da segunda etapa em Interlagos

Com uma corrida que começou complicada logo na primeira volta após o acidente envolvendo Felipe Matos e Ricardo Domenech, o piloto Marco Maragno sagrou-se vencedor pela Old Stock Race após a desclassificação de Grego Lemonias por irregularidade técnica. Carlos Freire fez uma corrida de tirar o chapéu levando sua “Cheirosa 281” ao lugar mais alto do pódio na Opala 250 e Marcos Philippi faturou a vitória na Old Man.

 
 
 

A segunda prova da Old Stock Race e Opala 250 na tarde deste domingo teve momentos de muita adrenalina e uma batida que deixou todos que acompanharam a cena preocupados. Luiz Zapelini, que está de volta à categoria em 2021, largou na quarta posição e no final da reta dos box já assumiu a ponta, com Helal, Felipe Matos, Grego Lemonias e Marco Maragno contornando juntos o “S do Senna”. Enquanto Zapelini abri distância do pelotão, Helal ultrapassou Matos mas na curva do “Laranjinha” Matos colocou seu carro pelo lado de dentro da pista, invadindo a zebra e posteriormente a parte gramada, o que fez o Opala 93 perder o, rodando bem no meio da curva e ficando parado. Vários carros que vinham atrás conseguiram desviar com sucesso, mas Ricardo Domenech do Opala 17, que acompanhava a disputa entre a Caravan 73 de Konrad Viehman e o Opala 60 de Anderson Marossi, não conseguiu desviar, atingindo de frente o carro de Felipe, ocasionando a entrada do Safety Car. Ambos pilotos saíram ilesos de seus cockpits, comprovando mais uma vez a segurança dos Opalas. Na saída da Curva do Pinheirinho, Zapelini rodou e perdeu a posição para Helal, que assumiu a ponta para acompanhar o carro de segurança durante as voltas em bandeira amarela.

 
Duas voltas após o acidente, o Safety Car foi recolhido e a direção de provas autorizou a relargada, com Helal na ponta, seguido agora de perto por Grego Lemonias, Marco Maragno e Daniel Alberici, que sofreu o toque de Evandro Camargo na entrada do “S do Senna”, vindo a rodar e perder muitas posições, enquanto Grego, Maragno, Camargo e agora Pedro Pimenta seguiram então formando um pelotão pela disputa do segundo lugar. Carlos Freire da Caravan 281 pulou para a liderança pela Opala 250 com Alessandro Santiago, Anderson Marossi e Konrad Viehmann vindo na sequencia.

No mesmo ponto onde aconteceu o acidente entre Matos e Domenech, os opalas de Anderson Marossi do Opala 60 e Alessandro Santiago do carro 71 se enroscaram ocasionando a rodada de Marossi que perdeu varias posições, dando a Viehman a condição de partir para a disputa com Carlos Freire pela ponta na Opala 250 e abrindo a volta seguinte, quem abandonou foi Pimenta por problemas mecânicos.

 

Faltando duas voltas para o final, Rodrigo Helal teve um problema no distribuidor do Opala e abandonou a prova, deixando o caminho livre para Grego Lemonias cruzar a linha de chegada em primeiro. Marco Maragno passou em segundo com Marcos Philippi em terceiro, Rogerio Barbato em quarto Luiz Zapelini em quinto e Amaury Biem em sexto.

Após a vistoria, que ocorre sempre no final da segunda prova, o Opala numeral 18 foi desclassificado devido à falta de uma cinta de aço que é instalada em volta do volante do motor, item que não compromete em nada a performance do carro, mas é necessário para preservar a segurança do piloto, assim a vitória ficou com Marco Maragno, com Marcos Philippi do Opala 64 em segundo, Rogerio Barbato do Opala 777 em terceiro e completando o pódio Luiz Zapelini em quarto, Amaury Biem em quinto e Daniel Alberici em sexto.

 
 
 

Confira o resultado final da Old Stock Race:

 

1. 9 Marco Maragno em 25min51s383

 

2. 64 Marcos Philippi a 0s127

 

3. 777 Rogerio Barbato a 8s645

 

4. 22 Luiz Zapelini a 15s043

 

5. 7 Amaury Biem a 15s879

 

6. 79 Daniel Alberici a 16s554

 

7. 52 Marcelo Ferraz a 26s827

 

8. 113 Rodrigo Helal a duas voltas

 

9. 25 Sandro Sanchez a 3 voltas

 

10. 12 Fabio Mencarelli a 4 voltas

 

11. 51 P. Pimenta a 4 voltas

 

12. 28 Mallaco a 4 voltas

 

13. 1 Evandro Camargo a 6 voltas

 

14. 93 Felipe Matos a 11 voltas

 

15. 17 Ricardo Domenech a 11 voltas

 

16. 31 Francisco Farinos a 12 voltas

 

DQ. 18 Georges Lemonias

 

Classe Old Man

 

1. 64 Marcos Philippi em 25min51s510

 

2. 777 Rogerio Barbato a 8s645

 

3. 22 Luiz Zapelini a 15s043

 

4. 51 Pimenta a 4 voltas

 

DQ 18 Georges Lemonias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *