Outras: Primeiro Campeonato Brasileiro de Arrancada reúne 252 carros preparados

Público de 20 mil pessoas prestigiou o evento histórico no Autódromo de Curitiba que contou com um dragster do Corinthians, crianças acelerando e oito novos recordes.

O inédito Campeonato Brasileiro de Arrancada que contou com a primeira etapa no Autódromo de Curitiba, em Pinhais, neste fim de semana (17 e 18 de abril), reuniu 252 carros preparados que disputaram a competição em 14 categorias de acordo com o regulamento elaborado pela Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA).

“Foi um fim de semana histórico para o esporte. A arrancada mostrou que está em crescimento reunindo pilotos de todo País e um público de 20 mil pessoas, mesmo com o decisivo clássico Atletiba, que também ocorreu neste domingo”, disse o diretor da Força Livre Motorsport, Eduardo Pereira.

O futebol foi representado na arrancada pela Dragster Light, de Ricardo “Pudim” Bersani, patrocinado pelo Corinthians. “Foi a primeira vez que um time de futebol aliou sua marca na arrancada. Fiquei feliz de ser o pioneiro e correr com o dragster do timão”, disse o piloto paulista e torcedor do Corinthians, Ricardo Bersani. O bólido percorreu o trajeto de 402 metros, em 6s980, com velocidade de 312 km/h e foi o primeiro colocado em sua categoria.

O mais rápido do fim de semana foi o paulista Alejandro Sanchez, da categoria Dragster Top Álcool, fazendo o percurso em incríveis 6s142, com velocidade de 364 km/h.

As crianças também aceleraram, em 201 metros, na categoria Dragster Jr. que teve quatro participantes. A vencedora foi Isabela Porte com tempo de 9s954.

A competição também contou pontos para a segunda etapa do Campeonato Paranaense de Arrancada e foi marcada pelo novo regulamento, com largadas eliminatórias. “A nova fórmula funcionou bem no Brasileiro. As eliminatórias dão mais emoção para o público, pois na final chegam os oito melhores, até sair o campeão da categoria”, explicou o diretor da Força Livre Motorsport, Adalberto Monteiro.

A segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Arrancada acontece de 28 a 30 de maio, no Velopark, em Nova Santa Rita, a 30 km de Porto Alegre.

Recordes
Oito pilotos também foram os destaques da competição, pois conseguiram novos recordes em suas categorias (veja o quadro abaixo).

Os campeões da primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Arrancada e da 2a etapa do Paranaense

Dianteira Original – Clóvis Waechter
Dianteira Turbo C – Leandro Laurindo
Dianteira Turbo B  – Alan Fonseca
Dianteira Turbo A  – Ricardo Duarte de Paula
Força Livre Dianteira – Felipe Johannpeter
Traseira Original  – Celso Bueno
Turbo Traseira  – Cleverson Bertolin
Força Livre Traseira  – Rodrigo Facchini
Pro Mod  – Luiz Ribeiro
Extreme 10,5  – Régis Loubert
Dragster Light – Ricardo “Pudim” Bersani
Dragster Light 6cc – César Degreas
Drag Top Álcool  – Alejandro Sanchez
Dragster Jr  – Isabela Porte

Os campeões nas categorias que disputaram somente o Paranaense:

Standard  – Paulo Gondawski
Street Tração Traseira – Danilo Aizona
Dianteira Super – Adison José
Desafio 15s – André Musseli
Desafio 14s – Juan Vezzetti
Streetbike – Manoel Lopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *