Papo de Box: Conheça a Fórmula SAE

A competição Formula SAE teve início nos Estados Unidos no ano de 1979, inspirada por um artigo na revista Popular Mechanics, que consistia em construir um “mini formula Indy”.

Com o passar dos anos o regulamento foi bastante modificado em relação ao seu original – que fora baseado nas regras da competição Mini-Baja – e deixou de ser disputado apenas em um país.

Hoje o regulamento impõe como pano de fundo a situação de uma grande empresa – representada pelos juízes – que busca o melhor projeto para colocar em produção seriada cujo público alvo são corredores amadores de fim de semana.

Assim, a competição é dividida em duas partes: eventos estáticos, que avaliam a possibilidade de viabilizar a construção em série do projeto e eventos dinâmicos, que avaliam o desempenho dos protótipos na pista.

Atualmente as competições de Formula SAE se espalham pelo mundo com etapas oficias nos Estados Unidos (Virginia, Michigan e California), Itália, Austrália, Alemanha, Inglaterra e Brasil. Além destas, também ocorrem mini-competições ao redor do mundo, denominadas abertos, que normalmente são organizadas pelas universidades, e não pela SAE.

A etapa brasileira, que começou a ser disputada no ano de 2004 com apenas 7 equipes, contou no último ano com 20 universidades inscritas. Os dois melhores colocados ganham o direito de disputar a etapa americana (segundo colocado) e a mundial (primeiro colocado), ambas nos Estados Unidos.

Esta matéria dá início a série de cinco artigos que abordarão a competição Formula SAE, em parceria com a equipe Ícarus UFRJ (www.formulasae.poli.ufrj.br).

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *