Papo de Box: Jacarepaguá, agora vai???

Como novo colaborador do site, aproveitarei este primeiro parágrafo para criticar não como colunista, mas sim como um apaixonado por automobilismo, a barbaridade que fizeram com o Autódromo de Jacarepaguá no Rio de Janeiro.
Lamentavelmente temos que engolir que se destrua um patrimônio público para a execução de um projeto de cunho pessoal e político de um governante que visa projetar sua imagem. Mesmo diante de todos os protestos de pilotos e equipes, apelos de profissionais envolvidos no meio automobilístico, não teve o que impedisse essa insanidade, que limita a participação do Estado do Rio de Janeiro no calendário de várias categorias.

Porém, devido a uma ação, que foi impetrada por um grupo de pilotos de várias categorias, principalmente pelas categorias de base (Multimarcas) contra a Prefeitura do Rio, estamos as vésperas de vermos e ouvirmos os motores roncando novamente naquela pista. Pista essa que foi completamente alterada no lado norte devido a obra do Pan. Na verdade a parte norte do circuito, foi totalmente destruído, e para a realização das corridas, acredita-se que será realizado um traçado utilizando também a pista da oval, construído exclusivamente para a Fórmula Indy.

A essa altura, temos que ser otimistas e acreditar que os organizadores das categorias, ainda tenham em suas agendas uma data em aberto para realizar as provas aqui no Rio.

A Stock Car ainda mantém em aberto a etapa de novembro, e com isso esperamos que a Maseratti, Clio e outras, ainda prestigiem a nossa pista esse ano, provando para todos que o autódromo já era um complexo esportivo, que gerava empregos diretos e indiretos, e que faz parte do lazer de muitos cariocas.

Extra-oficialmente tivemos a informação que será realizada uma etapa da Categoria Marcas no 1º fim de semana de novembro, reinalgurando o autódromo e servindo de laboratório para a StockCar, que divulga em sua agenda, o Rio como sendo palco da penúltima etapa.

Vamos torcer para que tudo dê certo e que o Autódromo Nelson Piquet, agora um misto com o Emerson Fittipaldi tenha influência de dois nomes de peso do Automobilismo e possa proporcionar a emoção que todos nós esperamos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *