Pick-Up: Ford Ranger pode andar mais rápido em Santa Cruz do Sul

Uma sessão de testes em dinamômetro de bancada na oficina do engenheiro gaúcho Jorge Martinewski deverá trazer mais emoção à disputa do Campeonato Brasileiro de Pick-up Racing, que prossegue neste final de semana no autódromo de Santa Cruz do Sul (RS). Em decorrência das especificações técnicas dos motores da Chevrolet S10 e da Ford Ranger, em especial a maior capacidade volumétrica da planta motriz da primeira, os organizadores, pilotos e comissão técnica da categoria estudaram diversas soluções para equiparar o desempenho dos dois modelos.

Ao contrário do que chegou a ser cogitado, as novas regulagens de ignição e pressão de turbo não visaram aumentar a potência máxima, mas melhorar a curva de torque do motor da Ranger. Segundo Guê Marques, o responsável técnico pela categoria, o resultado final promete mais emoção ao campeonato:

“Ao final de várias experiências acreditamos ter encontrado um compromisso que vai permitir um desempenho mais uniforme entre as duas principais marcas do certame. A partir de agora congelamos a pressão de turbo no motor da S10 em 0,5 Bar contra 0,7 Bar no motor da Ranger”.

A primeira avaliação prática da alteração do regulamento ocorre neste final de semana, na disputa da terceira etapa do Campeonato Brasileiro, que é liderado por Cláudio Ricci. Os treinos começam amanhã, sábado, e a prova será disputada no domingo, com a largada confirmada para as 13:30 horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *