Rally: Líderes Neves e Maestrelli trocam de posto em São Carlos

Maurício Neves sofre luxação e fica impedido de pilotar.

Líderes invictos da Mitsubishi Cup Sudeste 2008, os paranaenses Maurício Neves e Clécio Maestrelli serão obrigados a viver uma experiência inédita na sexta etapa da Mitsubishi Cup Sudeste. Por causa de uma luxação sofrida no ombro direito durante o fim de semana, Neves está impossibilitado de pilotar pelos próximos 15 dias. Como o regulamento da Mitsubishi Cup descarta os seis piores resultados de cada dupla nas 21 etapas disputadas na temporada, os dois paranaenses decidiram pela inversão de funções para honrar o compromisso com os patrocinadores da equipe e com os organizadores do certame. Além disso, a mudança servirá também para quitar uma dívida que Maurício contraiu com Clécio na vitória do Rally dos Sertões de 2007:

“No ano passado eu prometi ao Clécio que se ganhássemos essa prova eu o deixaria pilotar em uma prova. Ele se aplicou bastante e agora vai aproveitar a oportunidade surgida de forma inesperada.”

Segundo Maurício somente dentro de duas semanas será possível ter uma idéia mais clara sobre sua liberação para voltar a pilotar, o que ameaça também sua participação na terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Cross Country, na primeira semana de setembro. Segundo o piloto, o mais importante é garantir sua recuperação plena:

“Conversei francamente com o Dr Francisco Vicente dos Santos, traumatologista e ortopedista, e concordamos que mais do que voltar rapidamente às competições é mais importante voltar totalmente recuperado e sem seqüelas. Além de estar nas mãos de um profissional competente, estou tranqüilo por contar com um navegador que há muito tempo vem se preparando para este momento e tenho certeza que faremos bonito em São Carlos.”

Mesmo sem ter idéia sobre quando poderia assumir a pilotagem da Mitsubishi L200 RS da equipe ProMacchina, Clécio Maestrelli iniciou sua adaptação às quatro rodas: há cerca de um ano ele treina duas vezes por semana com um kart de competição e nunca abdicou ao hábito de disputar enduros motociclísticos, onde já conseguiu vários títulos. Apaixonado por esportes a motor, Maestrelli já obteve vários títulos estaduais e vitórias importantes em ralies e enduros de motocicleta. Uma possível mudança de navegador a piloto, porém, não está nos seus planos, pelo menos por enquanto:

“Eu esperava que isto só fosse acontecer quando nós estivéssemos próximos a pendurar nossos capacetes e não em uma fase onde eu e ele estamos disputando o título numa das categorias mais equilibradas do rali brasileiro. Embora seja agosto eu me sinto como um garoto que acabou de ganhar seu brinquedo preferido na noite de Natal e por enquanto tudo o que quero é curtir essa oportunidade única.”

Neves e Maestrelli conquistaram as cinco etapas já disputadas este ano no calendário da Mitsubishi Cup Sudeste. Caso a dupla formada por Reinaldo Varela e Marcos Macedo não vençam duas das três provas que compõem a rodada de São Carlos os paranaenses poderão conquistar o título da temporada neste fim de semana.

Após cinco etapas, a situação atual das duas principais categorias é a seguinte:

L200 RS Máster
1º) Mauricio Neves e Clécio Maestrelli (PR) – 214 pontos
2º) Reinaldo Varela e Marcos Macedo (SP) – 190 pontos
3º) Guilherme Spinelli e Marcelo Vívolo (SP) – 184 pontos
4º) Marcos Antônio Cassol e Alberto Andreotti (GO) – 144 pontos
5º) Edu Piano e Fausto Dallape (SP) – 123 pontos

L200 RS
1º) Augusto Soares e Roberto “Gringo” (RS) – 188 pontos
2º) Peterson de Oliveira e Gilson Rocha (SC) – 180 pontos
3º) Hugo Rodrigues e Kaique Bentivoglio (SP) – 135 pontos
4º) Juliano Diener e Vitor Muench (SC) – 128 pontos
5º) João Carlos Cardoso e Sidinei Broering (PR) – 111 pontos


Pajero TR4 R
1º) Luis Carlos Frantz e André Lucas Munhoz (SC) – 221 pontos
2º) Rogério Cesar Rode e Guilherme Signoretti (SP) – 185 pontos
3º) Wilians Dums e Gilmar Dums (SC) – 175 pontos
4º) Sérgio Gugelmin e Gustavo Gugelmin (SC) – 158 pontos
5º) Paulo Rugna e Adriana Parra (SP) – 156 pontos

A equipe ProMacchina Rally é patrocinada pela Cimed Genéricos, VIVO, Unilance Consórcios, Avalon Táxi Aéreo e conta com o apoio técnico da Mahle Original, Mahle Filters, Toyama Power Products, TSW rodas, EBC Brakes e BorgWarner Turbos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *