Sertões Series: Etapa de Avaré foi disputada nesse sábado

Dupla formada por Marcos Baumgart e Beco Andreotti venceu entre os carros

Foi realizado nesse sábado (5) o Sertões Series na cidade de Avaré, no interior de São Paulo. A prova, válida pelo Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country de Velocidade, envolveu 112 equipes, entre carros, caminhões, motos, quadriciclos e UTVs.

Entre os carros, a vitória foi de Marcos Baumgart e Beco Andreotti, que completaram as duas especiais disputadas no circuito do Parque de Exposições Fernando Cruz Pimentel (EMAPA) em 2h10min33s5. Após a prova, Baumgart, que disputou a prova do ano passado entre as motos, não escondeu a alegria em vencer o rally:

“Ano passado eu fiz essa etapa correndo de moto, mas na segunda volta eu tive que parar com um pneu furado. Então essa vitória de hoje, de carro, que é mais a minha praia, foi muito legal para a equipe. Estou muito feliz. Foi também uma grande oportunidade para testarmos algumas modificações que fizemos no carro para o Rally dos Sertões. O percurso era rápido, com vários retões e curvas de alta velocidade, algumas delas cegas, em que o piloto tem que acreditar muito no navegador e fincar o pé direito no acelerador, em quarta ou até quinta marcha. Curva de baixa, ‘cotovelo’, todo mundo faz. Esse trajeto valoriza o trabalho do piloto e do navegador.”

Entre os caminhões leves, a vitória ficou com Edu Piano e Solon Mendes. Pilotando um Ford F4000, os dos completaram a prova em 2h32min01s7. Após a prova, Piano, que disputou seu primeiro rally em 2012, comentou que a prova foi bastante difícil:

“Foi a primeira prova que fiz neste ano, e foi bem dura, bastante técnica, muito boa. Nós aproveitamos a oportunidade de competir em Avaré para testar algumas modificações que fizemos no motor e na suspensão do caminhão, e deu tudo certo. Geralmente íamos direto ao Sertões e tendo feito alguns testes na nossa pista. Mas ter feito a etapa do Sertões Series foi extremamente proveitoso, já que pudemos testar o equipamento em reais condições de prova, vivendo a situação da competição em si.”

Nos caminhões pesados, a vitória foi de Guido Salvini Netto, que disputou o Rally de Avaré ao lado de Flávio Bisi e Fernando Chwai. O time completou as duas especiais com o tempo de 3h00min38s5, com um Mercedes Atego 1725. Netto lembrou o fato da prova ser curta (duas especiais de 80km), exigindo que a equipe não cometesse erros:

“Foi a primeira prova que fiz neste ano, e foi bem dura, bastante técnica, muito boa, típica dos eventos organizados pela Dunas. Nós aproveitamos a oportunidade de competir em Avaré para testar algumas modificações que fizemos no motor e na suspensão do caminhão, e deu tudo certo. Geralmente íamos direto ao Sertões e tendo feito alguns testes na nossa pista. Mas ter feito a etapa do Sertões Series foi extremamente proveitoso, já que pudemos testar o equipamento em reais condições de prova, vivendo a situação da competição em si.”

Entre as motos, a vitória ficou com Thiago Carnio. Nos quadriciclos, o vencedor foi Nilson Balaban. Já nos UTVs, Gerson Klaumann e Francisco Ferreira foram os melhores.

O próximo rally válido para o Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country de Velocidade será o Cuesta, que acontece entre os dias 22 e 24 de junho, na cidade de Botucatu (SP).
Confira a classificação de todas as categorias:

Carros (cinco primeiros):
1-) Marcos Baumgart/Beco Andreotti (Mistubishi L200 Evo/PT1) – 2h10min33s5
2-) João Franciosi/Rafael Capoani (Sherpa/PT1) – 2h12min29s9 (1min56s4)
3-) Cristiano Batista/Ronie Von Silva (Sherpa/PT1) – 2h16min04s6 (5min31s1)
4-) José Hélio/Weidner Moreira (Mitsubishi L200 Evo/PBR) – 2h16min51s2 (6min17s7)
5-) Marcos Moraes/Fabio Pedroso (MEM T-Rex/PT1) – 2h19min08s1 (8min34s6)

Caminhões leves:
1-) Edu Piano/Solon Mendes (Ford F4000/Leves) – 2h32min01s7
2-) Amable Barrasa/Cesar Botas (Ford F4000/Leves) – 2h38min02s9 (06min01s2)
3-) Rafael Conde/José Papacena (Ford F4000/Leves) – 2h42min10s0 (10min08s3)

Caminhões pesados:
1-)Guido Salvini Netto/Flávio Bisi/Fernando Chwai (Mercedes Atego 1725) – 3h00min38s5
2-) Ulysses Marinzeck/Evandro Bautz/Adriano S. (Mercedes Cargo 1933) – 3h08min50s7 (36min49s0)

Motos (cinco primeiros):
1-) Thiago Carnio (Honda CRF 450) – 2h09min16s1
2-) Julio César Zavatti (Sherco 450cc) – 2h10min28s5 (1min12s3)
3-) Ramon Sacilotti (Kawasaki KXF 450) – 2h11min45s3 (2min29s2)
4-) Juca Bala (Equipe Juca Bala) – 2h12min06s5 (2min50s4)
5-) Ike Klaumann (Prototipo 450cc) – 2h12min30s5 (3min14s4)

Quadriciclos:
1-) Nilson Balaban – 2h27min53s9
2-) João Francisco Del Nero Jr – 1min23min13s0 (1ª volta)

UTVs (cinco primeiros):
1-) Gerson Klaumann/Francisco Ferreira – 2h26min11s0
2-) Nuno Fojo – 2h28min47s1 (2min36s1)
3-) Paulo Rugina – 2h33min13s6 (7min02s7)
4-) André Taidy/Douglas Shibayama – 2h39min23s0 (13min12s1)
5-) Carlos Ambrosio – 2h43min22s1 (17min11s1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *