Stock: 28 anos de Stock Car e Ingo Hoffmann só não venceu duas vezes

Em Interlagos, Alemão busca sua primeira vitória no ano e o vice-campeonato na última etapa da temporada, que larga no domingo, às 11h.

Passar uma temporada sem nenhuma vitória, faz tempo que Ingo Hoffmann não sabe o que é isso. O maior vencedor da categoria espera manter a escrita nesse fim de semana, quando acontece a 12ª e última etapa da Copa Nextel Stock Car, no autódromo de Interlagos, SP. A última vez que Ingo não subiu ao lugar mais alto do pódio foi em 1995 – há 11 anos. Sua última vitória na Stock aconteceu exatamente na última etapa da temporada do ano passado, em Interlagos. O título está definido – Cacá Bueno é o campeão de 2007 -, a disputa agora é pelo vice e Ingo está nessa briga, ao lado de mais 3 pilotos. A programação tem início nessa sexta feira, com os treinos livres.

Apesar de ser um dos pilotos mais regulares do campeonato – marcou pontos em 10 das 11 provas realizadas até agora -, Ingo ainda não venceu esse ano. Desde sua estréia na Stock Car em 1979, Hoffmann só não venceu nos campeonatos de 1982 e 1995. Conta com 76 vitórias na categoria. O ano em que mais venceu foi 1998: 7 vezes. Venceu apenas uma vez em quatro ocasiões: 1981, 1988, 2003 e 2005. Sua última vitória na Stock Car foi em Interlagos, na última etapa de 2006, quando atingiu a impressionante marca de 100 vitórias em competições de pista nacional.

“Para mim é mais importante o vice do que vencer essa corrida. A verdade é que não me preocupo com estatísticas. Sempre vou para as corridas para vencer. Meu objetivo é terminar o campeonato na melhor posição possível, se for com vitória ótimo, se não for, tudo bem também”, comentou Ingo.

O Alemão chega a Interlagos, embalado pela conquista do vice-campeonato de Rally Cross Country no último sábado (1/12), quando venceu a última etapa. Ao lado de Ingo mais três pilotos têm chances de ser vice da Stock: Rodrigo Sperafico, Thiago Camilo e Felipe Maluhy. Se conseguir, será o quarto vice-campeonato de Ingo na categoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *