Stock: Boettger coloca pilotos na zona de pontos

O que parecia impossível aconteceu. A equipe Boettger conseguiu reverter uma situação totalmente desfavorável neste domingo, na 3ª etapa da Copa Nextel Stock Car, em Brasília. Após dificuldades no treino classificatório, os pilotos Luciano Burti (Amanco) e Alceu Feldmann (Arigaf) partiram do 28º e 30º lugares, respectivamente, e cruzaram a linha de chegada na zona de pontos. A prova foi vencida por Allam Khodair (Blausiegel), seguido por Antônio Jorge Neto (Itaipava) e Átila Abreu (AMG).

O calor e o asfalto abrasivo colocaram à prova a resistência dos carros e pilotos. Ao todo, 12 ficaram pelo caminho da etapa mais disputada da atual temporada. Por outro lado, quem soube fazer um acerto conservador, se manteve constante em toda a corrida. Foi o caso de Burti e Feldmann, que cruzaram a linha de chegada na 8ª e 13ª colocações, respectivamente.

Feldmann gostou do resultado: “fui conservador no início, para fugir dos acidentes. Mas depois da troca de pneus comecei a arriscar mais e o carro respondeu bem. No final da corrida a traseira começou a escapar um pouco, mas suportei bem a pressão para me manter na zona de pontos”, destaca o paranaense, que disputou o Playoff em 2006 e 2008.

Apesar de ter apenas três pontos na atual temporada, Alceu está confiante na busca por uma das dez vagas. “Era o quinto colocado em São Paulo quando o pneu furou. Em Curitiba estava na nona posição antes de enfrentar um problema no pit stop para troca de pneus e perder segundos preciosos. Ou seja, minha atual colocação não reflete o potencial do carro e da equipe. Ainda acredito que podemos brigar por uma das dez vagas da Super Final, pois ainda faltam cinco provas”, avalia.

Agora, o piloto do Chevrolet #6 segue confiante para a etapa de Santa Cruz do Sul (RS), onde no ano passado foi oitavo colocado. A quarta corrida do ano acontece no dia 17 de maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *