Stock: Burti destaca traçado exigente do Rio de Janeiro

Piloto da Amanco/Poliron diz que acerto ideal do carro é fundamental para o sucesso na sétima etapa da Copa Nextel

A partir desta sexta-feira (18), a Stock Car desembarca no Rio de
Janeiro (RJ) para a sétima etapa da temporada 2009, que será disputada
no Autódromo Nelson Piquet, no bairro de Jacarepaguá. Uma pista que, de
acordo com Luciano Burti (Amanco/Poliron), deverá exigir bastante dos
JL-G09, novos carros da categoria, introduzidos nesta temporada.
“Encontrar rapidamente o acerto ideal do carro será fundamental. Vai
ser uma questão de encontrar o equilíbrio perfeito”
, disse.

Burti, que terminou a etapa carioca da temporada 2008 em segundo lugar,
destacou algumas características do circuito de 3.336 metros. “Por ser
um autódromo que não tem tanto uso durante o ano e o asfalto já ser um
pouco antigo, a aderência da pista é baixa. Isso exige muito do carro,
já que o traçado possui curvas de média e baixa velocidade. E nas três
curvas de baixa do circuito, ter uma boa tração é fundamental. Além
disso, ter boa velocidade nas retas será muito importante”
.

Luciano, que compete na equipe Bottger, ocupa a sexta posição na tabela
de classificação geral do campeonato. A duas provas do início Super
Final, em que os dez primeiros colocados disputam o título entre si, o
piloto soma 48 pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *