Stock: Campeão em 2003, o piloto do Peugeot 35 acredita que a pole position não é impossível

Autor do quarto melhor tempo do dia, David Muffato confirmou nesta sexta-feira que sua volta às principais colocações da Copa Nextel de Stock Car é apenas uma questão de detalhes.

Mais especificamente de tração, como explicou o o piloto paranaense depois de cobrir os 4.309 metros do circuito de Interlagos em 1min40s603, a 588 milésimos de segundo do melhor tempo do dia, estabelecido por Cacá Bueno com 1min40s0015.

“Pode parecer pouco, mas é uma diferença grande”, constatou Muffato, que foi campeão da categoria em 2003 e acha que, se não tiver problemas neste fim de semana, pode reviver seus melhores tempos. “Meu problema está na parte sinuosa da pista. Lá. Falta um pouco mais de tração e perco de três a quatro décimos de segundo”, comentou o piloto do Peugeot número 35.

Mas uma reunião com o engenheiro Eduardo Bassani, diretor técnico de sua equipe, foi suficiente para deixar Muffato mais otimista em relação à prova de classificação, nesta sexta-feira. “É uma questão de se escolher a melhor soluçao, nada muito co mplicado. Passei todas as informações para o Bassani e tenho certeza de que ele vai tomar as medidas necessárias. Meu objetivo é chegar à terceira fase de classificação, o que me garante um lugar em uma das três primeiras filas. Já é um bom começo, mas o objetivo é a pole position. Se há uma possibilidade real só vai dar para ver quando entrar na pista. Mas o quatro tempo de hoje nos mostrou que estamos no caminho certo”,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *