Stock Car: Casagrande lidera primeiro dia de treinos no PR

Sessões foram realizadas sob um forte calor de 34ºC no autódromo Ayrton Senna; com 25 kg de lastro, Ramos é o segundo.

Com uma temperatura ambiente de 34ºC, a Stock Car retornou às pistas nesta sexta-feira em Londrina para dar prosseguimento ao campeonato 2020. A cidade do norte-paranaense, também conhecida como “Capital do Café”, recebe a quarta etapa do ano e viu Gabriel Casagrande terminar com o melhor tempo na sessão única de treinos do dia.

Com o forte calor sendo a grande dificuldade para todos, a sessão, disputada perto do horário das corridas do domingo (que começam a partir das 12h30), viu muita gente trabalhar na base da cautela, analisando o desgaste dos pneus no asfalto ondulado e abrasivo – os compostos do lado direito são os que mais sofrem, principalmente o traseiro direito.

“Foi um bom primeiro dia aqui. No shake down o carro já estava bem legal, acho que o pacote de atualização deu uma boa melhorada no desempenho. Ainda é cedo por que a gente não sabe a condição dos nossos concorrentes e também por que amanhã ainda temos outro treino. Mas pela temperatura ser bem parecida com a que a gente vai enfrentar na sessão de classificação estou bem contente com o desempenho”, analisa Casagrande.

“A temperatura do asfalto estava em 54 graus. É muito quente, vai desgastar os pneus. Dentro do carro vai ser complicado. A gente vai sofrer com isso, mas a gente sabe que isso pode acontecer. É calor pra todo mundo, então está todo mundo na mesma condição. Será mais desgastante, mas estamos preparado”, completa o paranaense de Pato Branco.

No caso dos seis primeiros do campeonato, a sexta-feira também serviu para entender como o carro se comporta com o Lastro de Sucesso. Ricardo Zonta (50 kg), Cesar Ramos (25kg) Rubens Barrichello (20 kg), Ricardo Mauricio, (15kg) Nelsinho Piquet (10kg) e Allam Khodair (10 kg) são os “presenteados” neste fim de semana.

Na pista, Casagrande, que não teve um bom desempenho nas primeiras provas e corre sem lastro, registrou a marca de 1min12s325, superando Cesar Ramos, dono das duas últimas poles, em 0s256. Também sem lastro, Julio Campos, Thiago Camilo, Galid Osman e Daniel Serra compuseram a lista dos seis melhores do dia.

“Vamos ver se a gente consegue usar da melhor forma os upgrades que tivemos. O pior problema no nosso carro especificamente eram os freios. E agora que isso foi sanado, então acho que vamos começar a mostrar a nossa performance a partir de Londrina. É um marco zero pra gente, espero que seja um recomeço mesmo pra gente aqui”, ressalta Julio Campos, referindo-se à atualização que os carros da Chevrolet receberam por conta do regulamento para igualar-se aos Toyota.

Entre os “lastreados”, depois de Ramos, o mais próximo é Nelsinho Piquet, décimo, com Allam Khodair em P14 e o resto lá no fundão: Ricardo Maurício em P21, Rubens Barrichello em P22 e o atual líder do campeonato, Ricardo Zonta, em P23 e penúltimo.

A Stock Car retorna às pistas neste sábado às 8h com o Treino Livre 2 (exibido ao vivo no canal @stockcarchannel no YouTube) e, em seguida, às 11h15 com a tomada de tempos, esta com transmissão do SporTV2. Confira abaixo os tempos do dia:

1. #83 Gabriel Casagrande (Cruze), 1:12.325
2. #30 Cesar Ramos (Corolla), 1:12.581 – a 0.256
3. #4 Julio Campos (Cruze), 1:12.657 – a 0.332
4. #21 Thiago Camilo (Corolla), 1:12.851 – a 0.526
5. #28 Galid Osman (Cruze), 1:12.953 – a 0.628
6. #29 Daniel Serra (Cruze), 1:12.957 – a 0.632
7. #12 Lucas Foresti (Cruze), 1:13.020 – a 0.695
8. #85 Guilherme Salas (Cruze), 1:13.046 – a 0.721
9. #51 Átila Abreu (Cruze), 1:13.064 – a 0.739
10. #33 Nelson Piquet Jr (Corolla), 1:13.172 – a 0.847
11. #5 Denis Navarro (Cruze), 1:13.195 – a 0.870
12. #44 Bruno Baptista (Corolla), 1:13.239 – a 0.914
13. #0 Cacá Bueno (Cruze), 1:13.297 – a 0.972
14. #18 Allam Khodair (Cruze), 1:13.305 – a 0.980
15. #11 Gaetano di Mauro (Cruze), 1:13.457 – a 1.132
16. #70 Diego Nunes (Cruze), 1:13.471 – a 1.146
17. #117 Matias Rossi (Corolla), 1:13.496 – a 1.171
18. #43 Pedro Cardoso (Cruze), 1:13.511 – a 1.186
19. #80 Marcos Gomes (Cruze), 1:13.522 – a 1.197
20. #8 Rafael Suzuki (Corolla), 1:13.550 – a 1.225
21. #90 Ricardo Mauricio (Cruze), 1:13.765 – a 1.440
22. #111 Rubens Barrichello (Corolla), 1:13.979 – a 1.654
23. #10 Ricardo Zonta (Corolla), 1:14.075 – a 1.750
24. #54 Tuca Antoniazi (Cruze), 1:15.147 – a 2.822

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *