Stock: Correndo em ‘casa’, Terra Avallone briga pela liderança do campeonato com Maluhy

O companheiro Tarso Marques também espera um bom resultado no novo traçado de Jacarepaguá.

A penúltima etapa da Stock Car V8, neste domingo (dia 19), em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro (RJ), será especial para a equipe Terra Avallone por vários motivos. O principal deles é que o piloto Felipe Maluhy está na vice-liderança da categoria e a etapa será decisiva na disputa pelo título.


Além disso, como a sede da equipe fica em Petrópolis, correr no Rio significa correr em “casa” para o time do experiente engenheiro José Avallone Neto. Outro ponto de destaque é que foi no Rio, no ano passado, que a equipe chegou ao seu primeiro pódio, quando Maluhy terminou em terceiro lugar.


A etapa carioca, no entanto, correu o risco de ficar de fora do calendário em virtude das obras para os Jogos Pan-Americanos. Uma alteração no traçado, porém, garantiu a realização da corrida no autódromo internacional Nelson Piquet. A pista terá apenas 3.370 metros. O novo traçado usará parte da Curva do Sul do Oval, retornando ao trecho misto.


“Estou muito feliz com a realização da Stock em Jacarepaguá. No final das contas, conseguimos salvar metade do circuito, o que ainda possibilitará um grande espetáculo”, acredita Maluhy, que está com 238 pontos no campeonato, contra 247 do líder Cacá Bueno.


O companheiro de equipe Tarso Marques também ficou satisfeito com a decisão da categoria. “Acho muito importante ter uma prova no Rio para o nosso automobilismo”, destacou.


Para se adaptar ao novo traçado, pilotos e equipes terão um treino extra na quinta-feira. “Será importante para conhecer a nova pista e limpar um pouco o asfalto, que deve estar com muita sujeira”, lembrou Maluhy.


O piloto paulista foi o segundo colocado na última etapa, em Buenos Aires, depois de largar da pole position. Maluhy tem se destacado nos treinos classificatórios e está sempre entre os mais velozes da Stock V8. Nas 10 etapas realizadas até aqui, ele só ficou de fora em apenas três disputas da Super Pole.


“Estamos cada vez mais entrosados e temos trabalhado muito em vários aspectos. Conseguimos minimizar os erros nas horas importantes”, frisou o paulista, de 29 anos. “Estou muito focado e preparado para dar o meu máximo na classificação e na corrida do Rio. Tenho certeza de que a equipe também está”, completou Maluhy. O piloto, que disputa sua segunda temporada pela Terra Avallone, já renovou seu contrato para 2007.


Já Tarso Marques disputará no Rio sua sétima prova na Stock Car e, pela primeira vez, vai correr em um circuito novo para todos os competidores. “O fato de ser quase sempre uma pista nova para mim, nunca atrapalhou em nada, porque tenho facilidade em aprender os traçados. Mas a corrida no Rio será melhor porque nenhuma equipe tem um acerto apurado para a pista nova”, concluiu o piloto paranaense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *