Stock: Instituto Ingo Hoffmann recebe prêmio de Thiago Camilo

Vencedor da etapa de Curitiba doa a scooter que ganhou pela pole position e emociona o Alemão, que tem planos de leiloá-la para arrecadar fundos.


O final de semana não foi só de tristeza para o piloto Ingo Hoffmann, que no domingo foi tirado da corrida a 30 metros da largada da 6ª. etapa da Stock Car, em Curitiba (PR). Em uma atitude nobre, o vencedor da prova, Thiago Camilo, doou para o Instituto Ingo Hoffmann a scooter que recebeu de prêmio pela pole position conquistada no sábado.

Ingo não escondeu a emoção com a atitude do piloto. “Fiquei realmente muito contente e comovido com a atitude do Thiago Camilo. Atitudes como esta mostram não só o grande piloto que é, mas também o bom coração que tem, além de grande humildade. Fatores importantes em um futuro campeão”, elogiou.

Thiago Camilo, por sua vez, conta porque resolveu ajudar o Instituto: “Meu pai já colabora e, para mim, é um prazer enorme doar o prêmio que ganhei para o Instituto. Como piloto, com seu talento e perseverança intermináveis, ele sempre foi um exemplo para todos os pilotos mais novos. Com o Instituto Ingo Hoffmann, mostra que também é um espelho para nos mirarmos fora das pistas”, disse.

As obras do projeto denominado Casa de Apoio à Criança e à Família estão em fase final. A previsão é inaugurar em outubro. O projeto é fruto da parceria do Instituto Ingo Hoffmann – entidade beneficente e sem fins lucrativos – com o Centro Infantil Boldrini, hospital filantrópico localizado em Campinas, referência mundial em tratamento de crianças com câncer. No total, estão sendo construídos 30 chalés e distribuídos em 10 vilas, que vão abrigar crianças em tratamento intensivo de câncer.

A Casa de Apoio à Criança e à Família está localizada ao lado do prédio da radioterapia do Boldrini, em Campinas. A obra teve início em dezembro/05. No total serão 2.200 m2 de área construída. Esse é o novo desafio do piloto Ingo Hoffmann, que pôde viabilizar o projeto graças ao apoio de vários doadores, listados abaixo.


Doadores

Até o momento, o Instituto já angariou fundos através dos doadores: Action Power, Cristália, Disal Editora, Eurofarma, Família Camilo, Família Julianelli, Filiperson, Gil de Souza Ramos, Guto Negrão, Medley, Livraria Siciliano, Pozzani (louças), Santa Helena Saúde, Sky, Stock Car, Tintas JD, Instituto Possível (móveis), Votorantin, Votoraço, Xandy Negrão. Além desses, parceiros do Boldrini – BioLab Famacêutica e McDonalds – também doaram recursos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *