Stock Jr.: Carros devem atingir maior velocidade do ano

Os pilotos esperam superar a marca dos 200 km/h no anel externo do autódromo brasiliense.



Quem analisa a ficha técnica do Stock Jr. pode deduzir rapidamente que ele é capaz de andar acima dos 200 km/h. Mas até agora os pilotos só ficaram na vontade. É o que faz boa parte deles esperar com enorme ansiedade pelas duas corridas deste fim de semana, em Brasília (DF), onde o ponteiro do velocímetro deve atingir seu ponto máximo no ano. Pelo menos é o que prevê o paulista Linneu Linardi, líder da classe Master (para pilotos acima de 36 anos). “São quase três mil metros de extensão. É uma pista de alta, com boas retas. Temos condições de registrar as maiores velocidades da temporada em Brasília”, analisa.


 


Não é só o fato de poder andar no limite que tem mexido com as emoções dos pilotos da Stock Jr. Por ser disputada no anel externo do autódromo brasiliense, a prova deve ser uma das mais interessantes e movimentadas de 2006, com uma série de trocas de posições. “É corrida para ficar o tempo inteiro de orelha em pé. Os carros devem andar muito próximos durante toda a prova e qualquer deslize pode comprometer o resultado final. O importante para mim é tentar manter o ritmo das etapas anteriores e seguir na liderança do campeonato”, afirma o piloto.


 


De acordo com Linneu Linardi, o que pode ajudar seus planos em Brasília é a experiência com carros de fórmula. Ele andou de Fórmula 3 Sul-Americana durante muito tempo e chegou a correr na Fórmula 2000 Canadense, onde era um dos principais adversários do piloto Greg Moore. “Em pistas de alta, que exigem reações mais rápidas e pilotagem mais agressiva, a experiência do fórmula é fundamental. É algo que pode ser decisivo para mim, principalmente porque ainda não conheço o traçado”, revela Linneu Linardi, que tem como concorrentes ao título os pilotos Jason Oliveira e Amilcar Collares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *