Stock Jr.: Fábio Fogaça faz sua primeira pole position da carreira em Brasília

Sorocabano de apenas 16 anos larga na frente em sua segunda corrida no automobilismo.

O sorocabano Fábio Fogaça (G.Giannone) mal começou a carreira no automobilismo e já vai sentir o gostinho de largar na frente numa corrida. Neste sábado (03/04) o filho do veterano piloto Djalma Fogaça (DF Motorsport/Ford/HDS Mecpar) anotou a pole position para a 2ª etapa da Stock Jr., uma das categorias que compõem a Copa Nextel. “É muito legal. Já tive uma sensação igual em Interlagos, quando achei que faria a pole e fui 2º. Aqui pensei que não faria a pole, mas consegui”, afirma o estreante de 16 anos, o mais novo do evento da Stock Car e que pela primeira vez corre no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília (DF). A corrida acontece neste domingo a partir das 07h50.

O fim de semana começou difícil para Fábio Fogaça. Ele teve dificuldades nos primeiros treinos na sexta-feira, quando ocupou a quinta e sétima posições nos ensaios, mas com uma diferença de tempo muito grande para os mais rápidos. No último treino livre, já no sábado, ele evoluiu e fez o segundo tempo. “Essa melhora foi alcançada por todo um conjunto. Sexta-feira o motor estava ruim e eu pedi pra trocar. Hoje o tempo começou a aparecer”, explica o titular da G.Giannone.

Em sua segunda corrida de carros, o jovem piloto já ocupa pela primeira vez a posição de honra no grid de largada. Como era esperado a definição da pole para a prova no anel externo do traçado brasiliense foi muito acirrada. Em sua segunda passagem, Fogacinha fez o tempo de 1:12.034, apenas 44 milésimos de segundo mais rápido do que o paulista Daniel Pflaumer. “Nada como um dia após o outro. Não podemos desistir nunca”, exclama o sexto colocado na Stock Jr. O paranense Lucas Finger e o baiano Patrick Gonçalves, líder do campeonato, completam as duas primeiras filas.

O jovem sorocabano tem um único objetivo para a corrida deste domingo: a vitória. “Eu tenho que sair para ganhar. Sei que qualquer erro e escapada pode me tirar da corrida, então tenho que usar a cabeça e partir para a vitória”, anota. O pai e conselheiro Djalma Fogaça não pôde acompanhar a primazia de Fabinho, pois ele está com a equipe DF Motorsport/Ford/HDS Mecpar em Caruaru (PE) para a disputa da 3ª etapa da Fórmula Truck.

Veja como ficou o grid de largada para a Stock Jr. em Brasíla:
1º) Fabio Fogaça (SP), 1min12s030, média de 145.88 Km/h
2º) Daniel Pflaumer (SP), 1min12s074
3º) Lucas Finger (PR), 1min12s123
4º) Patrick Gonçalves (BA), 1min12s468
5º) Sergio Ramalho (PE), 1min12s482
6º) Pedro Boesel (PR), 1min12s845
7º) Rodrigo Barone (SP), 1min13s502
8º) Alessandro Xavier (PR), 1min14s113
9º) João M Carvalho (SP), 1min14s147
10º) Felipe Granzotto (SP), 1min14s524
11º) Marcelo Munhoz (SP), 1min15s705
12º) Beto Cavaleiro (SP), 1min15s987
13º) Ana Lima (SP), 1min16s314
14º) Leonardo Medrado (RJ), 3min19s704

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *