Stock: Pit stops podem ter novas mudanças em Brasília

Categoria testa alternativas para tornar a parada nos boxes mais segura.

A Copa Nextel Stock Car deve apresentar uma nova opção para a realização dos pit stops obrigatórios na próxima etapa, marcada para o dia 3 de maio em Brasília (DF).
 
Como o espaço entre a entrada e a saída de boxes do Autódromo Nelson Piquet é muito curta, existe a possibilidade de os mecânicos só saírem da garagem para atuar no carro quando o piloto estiver totalmente parado no lugar determinado para a realização da prática.
 
Além disso, para facilitar a troca dos pneus, uma segunda pistola pneumática pode ser usada. No entanto, as sugestões ainda estão em fase de discussão entre pilotos, equipes e a Vicar, organizadora do campeonato, e precisam ser aprovadas também pela CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo) para entrarem em vigor na próxima corrida.
 
“Acho que está é uma boa alternativa, pois traz mais segurança aos mecânicos”, acredita Enrique Bernoldi (Cerveja Colônia), que está acostumado com pit stops caóticos, já que o procedimento é usado na F-1 e F-Indy, duas categorias por onde o paranaense passou. “Eles ficariam menos tempo na área onde os carros passam, e, com as duas pistolas, o procedimento de todas as equipes seria mais rápido”, comentou.
 
Nas duas corridas anteriores, em São Paulo e Curitiba, a preocupação com a segurança fez com que o procedimento de parada nos boxes fossem realizados cheios de ressalvas.
 
Em Interlagos, a troca dos pneus foi cancelada – pelo fato de os mecânicos não terem treinado o suficiente -, enquanto o reabastecimento foi realizado com a presença do safety car, com os pilotos entrando em grupos e a troca de posições proibida. Tudo em prol da integridade física de pilotos e membros de equipe.
 
Na prova de Curitiba, os pilotos tiveram de cumprir um tempo mínimo de 40 segundos nos boxes durante o reabastecimento, visando a segurança no momento das paradas. Contudo, a quantidade de pessoas no pitlane não agradou. Um anúncio sobre o assunto deve ser feito em breve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *