Stock: Pizzonia lamenta não ter participado da Super Classificação em Campo Grande

Uma pequena escapada de pista colocou o amazonense na quinta fila do grid.

Em sua estréia no Autódromo de Campo Grande, o amazonense Antonio Pizzonia (K-med Racing) vai largar na quinta fila para a corrida deste sábado (05/07), válida pela quinta etapa da Copa Nextel Stock Car, a principal categoria do automobilismo nacional. “Largar em décimo não é ruim, mas fico um pouco desapontado por saber que eu poderia ter ido à Super Classificação e brigado pela pole”, afirma. A posição de honra do grid ficou com Ricardo Maurício (WA Mattheis), com o tempo somado de 3min03s213 (média de 134.91 km/h) durante a última das três match races que definiram as seis primeiras colocações. A largada acontece as 10h15 (horário de Brasília) com transmissão ao vivo da TV Globo para todo o Brasil.

Antonio Pizzonia esta confiante em lutar pela pole porque nos treinos livres de quinta-feira e na primeira parte da classificação ele ficou entre os seis mais rápidos que disputam o primeiro lugar do grid. Mas em sua melhor volta do Classificatório 2, ele escorregou numa freada e pisou no acelerador. O carro deu uma escapa de pista e ele perdeu quatro décimos de segundo somente nesta curva. “O meu Peugeot 307 está muito bom. E largar na quinta fila aumenta as chances de sair das confusões da largada”, conta o manaura.

Partindo do décimo lugar, o titular da K-med Racing espera uma prova cheia de alternativas. “As corridas aqui são sempre muito tumultuadas, além da preocupação de todos com o desgaste dos pneus”. E para Pizzonia é exatamente esse o ponto fundamental para um bom resultado na corrida. “Temos que torcer para o desgaste não piorar no final da corrida. Todos terão carros críticos por causa da alta abrasividade da pista, e quem tiver melhor com certeza vai levar vantagem”, finaliza.

Veja como ficou o grid de largada para a prova de Campo Grande:

Classificatório 3
1º) Ricardo Mauricio (P3, SP), 2 voltas em 3:03.213 (média de 134.91 km/h)
2º) Thiago Camilo (CA, SP), a 1.153
3º) Popó Bueno (CA, RJ), a 1.351
4º) Marcos Gomes (CA, SP), a 1.576
5º) Pedro Gomes (P3, SP), a 2.586
6º) Valdeno Brito (CA, PB), a 2.758

Classificatório 2
7º) Allam Khodair (CA, SP), 1:28.820
8º) Atila Abreu (P3, SP), 1:28.832
9º) Nonô Figueiredo (ML, SP), 1:29.033
10º) Antonio Pizzonia (P3, AM), 1:29.140
11º) Andre Bragantini (P3, SP), 1:29.170
12º) Duda Pamplona (ML, RJ), 1:29.188
13º) Thiago Marques (P3, PR), 1:29.275
14º) William Starostik (P3, SP), 1:29.932
15º) Luciano Burti (P3, SP), 1:30.045

Classificatório 1
16º) Juliano Moro (CA, RS), 1:28.917
17º) Alceu Feldmann (CA, PR), 1:28.934
18º) Rodrigo Sperafico (ML, PR), 1:28.951
19º) Tarso Marques (P3, PR), 1:29.018
20º) Daniel Serra (CA, SP), 1:29.038
21º) Antonio Jorge Neto (ML, SP), 1:29.042
22º) Giuliano Losacco (P3, SP), 1:29.064
23º) David Muffato (P3, PR), 1:29.149
24º) Ingo Hoffmann (ML, SP), 1:29.203
25º) Guto Negrão (CA, SP), 1:29.227
26º) Felipe Maluhy (ML, SP), 1:29.280
27º) Julio Campos (P3, PR), 1:29.299
28º) Cacá Bueno (ML, RJ), 1:29.372
29º) Ricardo Sperafico (P3, PR), 1:29.446
30º) Hoover Orsi (CA, MS), 1:29.497
31º) Ruben Fontes (ML, GO), 1:29.725
32º) Lico Kaesemodel (ML, PR), 1:29.890
33º) Norberto Gresse (P3, SP), 1:29.944
34º) Carlos Alves (ML, SP), 1:30.326

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *