Truck: Wellington Cirino coloca Mercedes-Benz na sexta posição do grid no Rio de Janeiro

Paranaense tetracampeão da categoria aposta no ritmo de corrida dos caminhões da equipe ABF para a prova deste domingo. Geraldo Piquet enfrentou um problema mecânico no final de sua volta de classificação e terá que fazer uma corrida de recuperação.

A estreia da Fórmula Truck no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Jacarepaguá (RJ), teve neste sábado o treino classificatório que definiu a ordem de largada para a segunda etapa do campeonato sul-americano da categoria. Na equipe ABF Mercedes-Benz, o paranaense Wellington Cirino conquistou o sexto lugar no grid. Um resultado que não correspondeu às expectativas do piloto, mas que o coloca entre os favoritos a um lugar no pódio. “A minha volta no Top Qualifying não foi perfeita. Tinha caminhão para largar entre os três melhores”, comentou Cirino. “Por outro lado tenho confiança de que estamos rápidos e consistentes para a corrida; e podemos brigar entre os primeiros”, ressaltou. A boa expectativa é compartilhada com Adalbert Beck, responsável pelo marketing de produtos da fabricante alemã. “Vamos enfrentar uma corrida debaixo de sol forte e muito calor, provavelmente. Mas são condições nas quais temos plena confiança na durabilidade do caminhão. Acho que isso será um fator positivo para brigarmos pelo pódio”, destacou.
Pilotando o caminhão numeral 3 da equipe ABF, Geraldo Piquet sofreu com problemas na sua volta rápida ainda na primeira fase do treino de classificação. O piloto brasiliense fazia uma volta que lhe colocaria entre os oito mais rápidos que passam para o Top Qualifying. Porém, na aproximação da última curva do circuito, a chamada ‘Curva da Vitória’, Geraldo teve um problema no câmbio que lhe custou uma posição entre os líderes. “Na freada, provavelmente o trambulador do câmbio falhou e a marcha não entrou, então não consegui reduzir a velocidade. Acabei escapando do traçado e perdi tempo para engatar outra marcha e reacelerar”, lamentou o sexto colocado no campeonato. “Agora a equipe vai avaliar a gravidade do problema para encontrar uma solução. De qualquer maneira foi uma grande pena, que vai deixar a corrida de amanhã complicada”, admitiu.
A pole-position para a segunda etapa do Campeonato Sul-Americano de Fórmula Truck ficou com o paulista Danilo Dirani, a primeira do piloto que chegou à categoria em 2009. A prova será disputada neste domingo a partir das 14h em Jacarepaguá; e será transmitida ao vivo pela TV Band.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *