Velocidade na Terra: Pilotos da Stock Jr. correm pelo paulista de Velocidade na Terra no fim de semana

Com um intervalo de quase um mês entre as etapas de Brasília e Tarumã da Stock Jr., os pilotos João Marcelo de Carvalho e Beto Cavaleiro vão acelerar em outra praia, ou melhor, em outra pista e numa outra categoria.

Ambos, que participam da temporada 2007 de Stock Júnior, competem neste final de semana no Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo (ECPA), disputando a rodada dupla do Campeonato Paulista da Velocidade na Terra, que acontece neste sábado e domingo (13 e 14), no mais novo circuito do estado, um misto de asfalto e terra de 2.070 metros.

As provas são válidas pelas 6ª e 7ª etapas do torneio e os dois pilotos correrão na Turismo na Terra, modalidade que concentra carros como Gols, Pálios, Corsas, entre outros modelos nacionais.

João Marcelo já é velho conhecido na categoria, tendo conquistado o bicampeonato do certame nas temporadas 2004 e 2005. Já Beto Cavaleiro esteve na inauguração do autódromo do ECPA, há duas semanas, experimentou a sensação de correr num carro de Turismo, gostou da idéia e comprou um Gol, que vai estrear neste sábado.

Na atual temporada, João Marcelo é o líder da turismo A e pode conquistar o título por antecipação, para isso basta vencer pelo menos duas das quatro provas desta etapa dupla. “Voltei a andar bem neste ano e as etapas do paulista não estão cruzando com a Stock Júnior, então estou conseguindo conciliar as duas categorias”, disse.

A pontuação da turismo A segue da seguinte forma. João Marcelo é o líder, com 186, seguido pelo piloto de Sumaré, Luiz Augusto Alves, com 148. Na terceira posição aparece Marcelo Ferreira, com 127, seguido de perto pelo atual campeão da categoria, Alexandre Passarelli, com 125.

Turismo B

Na Turismo B, onde se concentram mais de 30 pilotos na disputa, a vantagem é de outro piracicabano, Juca Gandelim, que lidera com certa folga e também pode ser campeão antecipado neste final de semana. O piloto tem 180 pontos, contra 136 do segundo colocado, João Morais, piloto que vem mantém a segunda colocação no certame sem ter vencido uma prova sequer.

“Venho mantendo uma boa regularidade na temporada, e mesmo sem vencer, venho pontuando alto. Isso vem sendo fundamental para me manter em segundo. Mas sei que ainda tenho chances e estou aí para disputar o campeonato”, finaliza.

Já Juca tem um discurso mais audacioso. “Não vou dar sopa ao azar. Se vencer pelo menos duas provas, das quatro previstas, acho que liquido a fatura”.

Mas Juca não vai ter moleza nessa etapa, com 120 pontos Eduardo Vianna está animado com as dupla vitória conquistada na última etapa. “Acho que a disputa ainda está em aberto. São mais de 100 pontos em jogo e tudo pode acontecer. Mesmo porque a previsão para domingo é de muita chuva”, prevê o piloto.

Na quarta colocação aparece Anael Gobbo, com 78. Na quinta posição logo atrás vem James Lutum, com 77, juntamente com a dupla Denis Mussi e Thiago Lutum 77. Na sexta posição vem mais piracicabanos, a dupla formada por mais e filho, Archanjo Corder e Raphael Corder e mais Wilson Zambello, todos com 57 pontos ainda mantém chances matemáticas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *