Venezuelano José Miguel Alvarado destaca aprendizado na Fórmula Academy Sudamericana

Como o próprio nome já diz, a Fórmula Academy Sudamericana é um campeonato que tem como objetivo preparar e desenvolver novos pilotos de todo o continente para dar os próximos passos no automobilismo. Na primeira etapa do ano, realizada no autódromo de Interlagos no mês passado, a categoria viu no grid um jovem representante da Venezuela que não apenas estreou na categoria, mas também fez sua primeira corrida a bordo de um monoposto. Trata-se de José Miguel Alvarado, piloto oriundo do kart e que tem como objetivo seguir carreira no esporte.

Alvarado demonstrou evolução no fim de semana da primeira etapa e surpreendeu-se com as reações do carro da Fórmula Academy. “Fiquei encantado com o comportamento do carro. É algo totalmente diferente de tudo o que já fiz em minha carreira. O carro é excepcional, o pacote técnico é muito bom para pilotos que estão começando e o sistema de aquisição de dados nos ajuda bastante após as atividades. Me senti muito cômodo durante todo o fim de semana e fiquei satisfeito com minha estreia na categoria. Feliz também por correr em Interlagos, uma pista histórica e que nunca esperava que fosse acontecer”, afirma o venezuelano de 16 anos, que conquistou dois 4° lugares na primeira etapa.

Criado em um país que não tem tradição no automobilismo, Alvarado é um dos poucos pilotos da Venezuela que estão em atividade no cenário internacional. “Tenho experiência apenas no kart, uma vez que não existe campeonatos de fórmula em meu país devido às condições atuais da Venezuela. Porém, com muito esforço de minha família mantenho o sonho de prosseguir no esporte com o objetivo de representar bem o meu país. Espero um dia chegar na Fórmula 1”, explica o piloto, natural da cidade de Carlos Arvelo.

Tendo como referência o compatriota Pastor Maldonado, piloto que defendeu as equipes Williams e Lotus na categoria máxima do automobilismo – venceu o GP da Espanha de 2012 –, Alvarado segue para a segunda etapa da Fórmula Academy Sudamericana, em Cascavel (PR), a fim de seguir evoluindo como piloto. “A meta é melhor etapa por etapa e não vejo a hora de voltar a acelerar em Cascavel. Pretendo estar entre os três primeiros e continuar com minha evolução. Gostaria de agradecer ao Tato (diretor do campeonato) pela oportunidade e pelo excelente trabalho que a equipe vem fazendo”, finaliza Alvarado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *