WEC abre as cortinas da nova temporada na Inglaterra

Senna inicia segundo campeonato na LMP1 nas 4 H de Silverstone

 

Com novos companheiros, Bruno Senna inicia nesta sexta-feira sua segunda temporada na divisão dos protótipos LMP1 do Campeonato Mundial de Endurance – FIA WEC. Os primeiros treinos livres das 4 Horas de Silverstone, abrindo o calendário de oito etapas com encerramento previsto para junho de 2020 em Le Mans, começarão às 7h40 (Brasília) com duração de 90 minutos. A segunda está marcada para as 12h30, também com uma hora e meia de pista liberada. Trinta e um carros – LMP2, GT Pro e GT Am completam as quatro categorias da série – estão inscritos para a prova.

 

Campeão da LMP2 pela Rebellion em 2017, Bruno subiu à divisão principal no ano passado e dividiu o cockpit do Rebellion R13-Gibson com o alemão Andre Lotterer e o suíço Neel Jani. A equipe suíço-britânica promoveu uma reformulação no line up e acertou a chegada do francês Norman Nato e do norte-americano Gustavo Menezes para formar o trio com o brasileiro. Há poucos dias, a Rebellion anunciou a inscrição do segundo carro, a ser dividido entre os franceses Nathanael Berton e Loic Duval, juntamente com o brasileiro Pipo Derani.

 

Levando-se em conta o campeonato passado, a Rebellion deverá se constituir na segunda força da LMP1, atrás das favoritas Toyota. Senna, no entanto, espera que o desenvolvimento do carro possa ao menos reduzir a distância favorável à fábrica japonesa. “O carro já era competitivo em 2018/2019 e tem potencial de crescimento. Vamos trabalhar duro para isso”, avisou. O sistema de aumento de peso nos carros vencedores na etapa seguinte seguirá sendo a fórmula estipulada pela organização para tentar equilibrar as forças da categoria.

 

O público brasileiro poderá acompanhar todas as corridas do Mundial de Endurance pelo Bandsports, canal a cabo do Grupo Bandeirantes, a partir deste final de semana em Silverstone. Os carros partirão domingo às 8 horas (Brasília), com a ordem de largada determinada pelos treinos classificatórios do sábado. Além do formato de treinos inspirado na Fórmula 1, a pontuação nas provas de quatro e seis horas também obedecerá os moldes da principal categoria do automobilismo mundial. As etapas com oito e 10 horas distribuirão mais pontos, enquanto as 24 Horas de Le Mans darão 50 pontos ao vencedor, contra 25 das mais curtas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *