WEC: Peugeot apresenta 9X8 para o WEC 2022

Por Vitor Garcia

Peugeot 9X8 Hypercar foi apresentado e disputará o FIA WEC 2022.

A Peugeot apresentou o carro que marca seu retorno as corridas de longa duração (endurance), depois de 10 anos longe das pistas: 9X8 é o nome do hypercar que a marca francesa utilizará no campeonato 2022 do Mundial de Endurance (WEC).

Com motor híbrido que transmitirá potência a todas as rodas do veículo, o que chama a atenção é sua construção em aerofólio como estamos acostumados a ver nos carros de corrida; isso porque o 9X8 apresenta na sua traseira uma leve saliência que é utilizada como aerofólio, porém utilizando o limite mínimo de altura que o regulamento permite.

Nenhuma descrição disponível.

Destaque para a traseira do veículo que apresenta uma leve saliência que é utilizada como aerofólio no modelo

Segundo informações da fábrica, o 9X8 utiliza uma unidade de potência de 500KW (híbrido, todas as rodas livres), sendo o unidade traseira com 500kW (680hp), 2.6L (turbo gêmeo) V6 a combustão, unidade dianteira com 200kW elétrico, bateria de 900V e câmbio sequencial de 7 marchas.

O modelo que está inscrito como LMH (Le Mans Hypercar) tem 5.000 mm de comprimento, 2.080 mm de largura, 1.180 mm de altura e distância entre eixos de 3.045 mm.

Nenhuma descrição disponível.

Os pilotos

Os pilotos que guiarão o 9X8 em busca do título do WEC 2022 e da vitória nas 24h de Le Mans serão: Paul Di Resta (Escocês, 35 anos, ex-F1 e campeão do DTM em 2010), Loïc Duval (Francês, 39 anos, campeão do WEC e das 24h de Le Mans em 2013), Mikkel Jensen (Dinamarquês, 26 anos, campeão ELMS LMP3 em 2019), Kevin Magnussen (Dinamarquês, 28 anos, ex-F1), Gustavo Menezes (Americano, campeão do WEC e das 24h de Le Mans na categoria LMP2 em 2016), James Rossiter (Britânico, 31 anos, piloto das categorias ALMS e Super GT) e Jean-Eric Vergne (Francês, 31 anos, bicampeão da Fórmula-E)

O nome 9X8

Visando uma combinação do passado com o futuro, a Peugeot escolheu o nome 9X8 para seu hipercarro que disputará a temporada 2022 do WEC (World Endurance Championship), ano que marca seu retorno às pistas das provas de longa duração, após se retirar ao final de 2011.

O “9” continua a série empregada pelo fabricante para seus recentes carros de corrida de resistência, assim como o Peugeot 905 (que correu de 1990 até 1993) e o 908 (2007 até 2011), ambos os quais se tornaram ícones da marca.

O “X” refere-se à tecnologia de tração nas quatro rodas e ao trem de força híbrido do hipercarro, que incorpora a estratégia de eletrificação da marca no mundo do automobilismo.

O “8” é o sufixo usado para todos os nomes dos modelos atuais da Peugeot, do 208 e 2008, ao 308, 3008, 5008 e, claro, o 508 que muito recentemente passou pelas mãos dos engenheiros e designers que elaboraram o hipercarro se tornou o primeiro carro a ostentar o rótulo Peugeot Sport Engineered.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *