WTCC: Farfus domina treinos livres com tempo recorde

Brasileiro bate veterano Tarquini por menos de um décimo em Curitiba.

O paranaense Augusto Farfus, único brasileiro da categoria, dominou os testes que abriram nesta sexta-feira a programação da rodada dupla inaugural do WTCC – o Campeonato Mundial de Carros de Turismo. Quarto colocado no ano passado, Farfus “voou” no Autódromo de Curitiba e estabeleceu um tempo – 1min24s704 – que superou o recorde da pista – 1min24s761 – que ele mesmo cravou na tomada classificatória de 2006.


Farfus não ficou surpreso com a sua marca. Para ele, mais do que a evolução dos carros em relação à última temporada, o novo asfalto foi responsável pela derrubada do recorde. “Acho que 60% desse tempo são resultado do piso, que está bem melhor do que na corrida de 2007. E amanhã os tempos vão baixar ainda mais se não chover”, avisou.


Com o solo ainda molhado pela chuva da maior parte do dia, mas que permitiu desde o início a utilização dos pneus lisos, os ensaios foram marcados pela alternância dos ponteiros. Já nos minutos finais, em sua terceira saída e já com um jogo de pneus novos, Farfus levou o BMW 320 si para o alto da folha de tempos, superando o Seat Leon Turbodiesel do veterano Gabriele Tarquini por menos de um décimo de segundo. Os carros da marca espanhola, no entanto, demonstraram força ao ocupar também o terceiro e quarto lugares.


“Melhorei sete décimos com os pneus novos. Todo mundo colocou um jogo no finalzinho. E a verdade é que tem muita gente próxima, já que a diferença do primeiro para o décimo foi de apenas meio segundo”, observou. Farfus acredita que a pole ficará abaixo de 1min24. “Acho que dá para pensar em algo como um e vinte e três alto. Uma boa volta e o vácuo podem fazer muita diferença”, lembrou.


Amanhã, os carros voltam à pista a partir das 9 horas, para a primeira bateria de treinos livres de 30 minutos. A segunda será realizada das 12h00 às 12h30, enquanto a tomada classificatória está marcada para as 15 horas, com a mesma duração. Os ingressos para a prova continuam à disposição do público curitibano, que poderá trocá-los por dois quilos de gêneros alimentícios não perecíveis em 12 pontos da capital. Hoje, os organizadores anunciaram que o empresário paulista Michel Farah doou três toneladas de alimentos para o Instituto Pró-Cidadania de Curitiba, que receberá todo o montante arrecadado pelo WTCC.


Os tempos desta sexta-feira em Curitiba:


1 – Augusto Farfus (Brasil), BMW 320si, 1min24s704 (157,04 km/h)
2 – Gabriele Tarquini (Itália), SEAT Leon TDI, a 0s079
3 – Rickard Rydell (Suécia), SEAT Leon TDI, a 0s223
4 – Jordi Gené (Espanha), SEAT León TDI, a 0s241
5 – Nicola Larini (Itália), Chevrolet Lacetti, a 0s336
6 – Andy Priaulx (Inglaterra), BMW 320si, a 0s346
7 – Jörg Müller (Alemanha), BMW 320si, a 0s470
8 – Alain Menu (Suíça), Chevrolet Lacetti, a 0s535
9 – Robert Huff (Inglaterra), Chevrolet Lacetti, a 0s707
10 – Félix Porteiro (Espanha), SEAT Leon TDI, a 0s846
11 – Yvan Müller (França), SEAT Leon TDI, a 0s856
12 – Alessandro Zanardi (Itália), BMW 320si, a 1s012
13 – Tiago Monteiro (Portugal), SEAT Leon TDI, a 1s140
14 – Sergio Hernández (Espanha), BMW 320si, a 1s442
15 – Tom Coronel (Holanda), SEAT Leon TDI, a 1s503
16 – Pierre-Yves Corthauls (Bélgica), SEAT Leon TDI, a 1s561
17 – Stefano D’Aste (Itália), BMW 320si, a 2s152
18 – Olivier Tielemans (Bélgica), Holanda, BMW 320si, a 2s496
19 – Franz Engstler (Holanda), BMW 320si, a 2s514
20 – Andrey Romanov (Rússia), BMW 320si, a 5s006
21 – Ibrahim Okyay (Turquia), BMW 320si, a 5s095

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *