500 Milhas de Indianápolis: Rookie Alexander Rossi vence a 100ª edição

O rookie norte-americano Alexander Rossi (Andretti Autosport) venceu neste domingo (29/05), a 100ª edição das 500 Milhas de Indianápolis, no Indianápolis Motor Speedway, sexta etapa da temporada. O colombiano Carlos Muñoz completou a dobradinha da Andretti Autosport. O norte-americano Josef Newgarden (Ed Carpenter Racing) terminou em terceiro.

Na 164ª volta, os lideres foram para os boxes, para o reabastecimento e troca de pneus. Nas voltas finais, contudo todos foram obrigados a retornar aos pits, para um splash and go. Com Muñoz se dirigindo aos boxes, Rossi assumiu a liderança.

Também com o combustível acabando, Rossi fez voltas quatro finais lentamente. Mesmo com sua volta final, sendo quase 40 milhas mais lento do que Muñoz, Rossi recebeu a bandeirada com 4s4975 de vantagem sobre o parceiro de equipe.

Na volta de desaceleração, o tanque de combustível (que durou 36 voltas) secou de vez na curva quatro. Com o Dallara-Honda tendo que ser rebocado até o Victoy Lane.

Rossi, que no ano passado disputou seis GPs de F-1 pela Manor, é o primeiro rookie a vencer a prova desde o brasileiro Hélio Castroneves em 2001.

Muñoz, que terminou em segundo nas 500 Milhas de Indianápolis pela segunda vez (2013 e 2016), chorou muito nos boxes. Por novamente terminar em segundo lugar.

O brasileiro Tony Kanaan (Chip Ganassi) terminou em quarto. O piloto, vencedor da prova em 2013, foi um dos que entraram nos boxes nas voltas finais, para o splash and go. Ficando muito decepcionado com o resultado final.

O norte-americano Charlie Kimball (Chip Ganassi) foi o quinto, seguido pelo compatriota JR Hildebrand (Ed Carpenter Racing).

Pole-position, o canadense James Hinchcliffe (Schmidt Peterson), o neozelandes Scott Dixon (Chip Ganassi), o francês Sebastien Bourdais (KVSH) e o australiano Will Power (Team Penske) fecharam os dez primeiros.

Três vezes vencedor da prova, o brasileiro Hélio Castroneves (Team Penske) disputou as primeiras posições até se envolver em um incidente dentro dos boxes, na 115ª volta.  Castroneves levou um toque do norte-americano Townsend Bell (Andretti Autosport), que rodou, acertando o compatriota e parceiro de equipe Ryan Hunter-Reay. Na parte final, Castroneves levou um toque de Hildebrand, tendo a asa traseira danificada.

Líder do campeonato, o francês Simon Pagenaud (Team Penske) terminou apenas na 19ª posição.

Reay, que liderou o maior número de voltas (52), terminou na 24ª posição.

Vencedor da prova no ano passado, o colombiano Juan Pablo Montoya (Team Penske) foi o primeiro a abandonar. Ele perdeu o controle e rodou sozinho na 64ª volta.

Montoya foi o terceiro piloto a vencer a prova, e terminar em último na seguinte (Depois de Jimmy Bryan em 1959 e Johnny Rutherford em 1977).

O acidente mais forte aconteceu na 94ª volta. O norte-americano Sage Karam (Dreyer & Reinbold) acertou com força o muro da curva um, em uma disputa de posição com Bell.

Final:

1. Alexander Rossi EUA Andretti Autosport – Honda 200 voltas
2. Carlos Munoz    COL Andretti Autosport – Honda 200
3. Josef Newgarden EUA Ed Carpenter Racing – Chevrolet 200
4. Tony Kanaan    BRA Chip Ganassi – Chevrolet 200
5. Charlie Kimball EUA Chip Ganassi – Chevrolet 200
6. JR Hildebrand EUA Ed Carpenter Racing – Chevrolet 200
7. James Hinchcliffe CAN Schmidt Peterson – Honda 200
8. Scott Dixon NZL Chip Ganassi – Chevrolet 200
9. Sebastien Bourdais FRA KVSH – Chevrolet 200
10. Will Power AUS Team Penske – Chevrolet 200
11. Helio Castroneves BRA Team Penske – Chevrolet 200
12. Oriol Servia ESP Schmidt Peterson – Honda 200
13. Marco Andretti EUA Andretti Autosport – Honda 200
14. Graham Rahal EUA Rahal Letterman Racing – Honda 200
15. Max Chilton    GBR Chip Ganassi – Chevrolet 200
16. Jack Hawksworth GBR AJ Foyt Enterprises – Honda 200
17. Alex Tagliani CAN AJ Foyt Enterprises – Honda 200
18. Pippa Mann    GBR Dale Coyne Racing – Honda 199
19. Simon Pagenaud FRA Team Penske – Chevrolet 199
20. Gabby Chaves COL Dale Coyne Racing– Honda 199
21. Townsend Bell EUA Andretti Autosport – Honda 199
22. Matthew Brabham AUS Pirtek Team Murray – Chevrolet 199
23. Bryan Clauson EUA Jonathan Byrd’s Racing – Honda 198
24. Ryan Hunter-Reay EUA Andretti Autosport – Honda 198
25. Spencer Pigot EUA Rahal Letterman Racing – Honda 195
26. Takuma Sato    JPN AJ Foyt Enterprises – Honda 163
27. Mikhail Aleshin RUS Schmidt Peterson – Honda 126
28. Stefan Wilson GBR KVSH – Chevrolet 119
29. Conor Daly    EUA Dale Coyne Racing – Honda 115
30. Buddy Lazier EUA Lazier Burns – Chevrolet 100
31. Ed Carpenter EUA Ed Carpenter Racing – Chevrolet 98
32. Sage Karam    EUA Dreyer & Reinbold – Chevrolet 93
33. Juan Pablo Montoya    COL Team Penske – Chevrolet 63

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *