ChampCar: Bruno Junqueira é o 6º em Long Beach e assume a 4ª posição no mundial

Numa pista em que não é fácil ultrapassar, os muros estão sempre próximos, e não perdoam qualquer deslize, uma corrida sem erros é o primeiro passo para um bom resultado. Foi exatamente o que ocorreu com o mineiro Bruno Junqueira (Telemont/Brasil Telecomunicações) nas ruas de Long Beach.


Depois de um começo difícil do fim-de-semana, com problemas elétricos no motor e de acerto em seu Panoz/Cosworth, que o impediram de largar à frente da oitava posição, o piloto da Dale Coyne recebeu a bandeirada em sexto, fruto de uma corrida sólida e sem erros. O desempenho na segunda etapa da F-Mundial valeu ao único representante brasileiro na categoria a quarta posição na classificação do campeonato. O vencedor foi o tricampeão Sebastien Bourdais (Newman/Haas/Lanigan).

Algo pouco costumeiro no circuito californiano, a largada não teve problemas, com a maioria dos pilotos mantendo as posições. A primeira bandeira amarela seria mostrada na volta 7, depois de um toque de Mario Domínguez (Forsythe). Bruno, como os líderes, preferiu não antecipar seu pit-stop e manteve a estratégia original. A primeira parada ocorreria na volta 31 e, com a seqüência de reabastecimentos, voltou ao oitavo lugar. Com voltas rápidas, na casa de 1min09seg e o bom trabalho da Dale Coyne nos boxes, o mineiro ganhou a posição de Graham Rahal (Newman/Haas/Lanigan) em sua segunda parada, feita sob bandeira amarela, provocada pelo francês Simon Pagenaud (Team Australia). A batida de Alex Figge a sete voltas do final deu aos pilotos uma última chance de tentar ultrapassagens, mas Bourdais, que herdou a primeira posição do compatriota Tristan Gommendy, confirmou sua primeira vitória do ano.

“Tivemos um ótimo dia, um bom carro todo o tempo, consegui andar forte durante toda a prova e tendo um excelente consumo de combustivel, meus mecânicos fizeram dois pits tops perfeitos, sem problemas, enfim, saimos de Long Beach bastante satisfeitos com o resultado que alcançamos e o desempenho que apresentamos, novamente fomos competitivos e conseguimos melhorar em vários pontos em relação ao último final de semana, espero já para Houston resultados ainda melhores”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *