ChampCar: Junqueira sai na segunda fila no México

O sábado de classificação final para o Grande Prêmio da Cidade do Mêxico da Formula Mundial, inciou com o mesmo resultado que terminou ontem para o piloto da equipe Newman/Haas, Bruno Junqueira (Banco Rural/Telemont/A&C Sistemas), com o quarto lugar na sessão matinal, porém as circustâncias foram bem diferentes. Bruno liderou a sessão até os cinco minutos finais, quando Sebastien Bourdais, Justin Wilson e Will Power colocaram pneus novos e acabaram superando a marca registrada por Junqueira anteriormente. “Tivemos um ótimo treino matinal, o que me deixou bastante confiante para um bom resultado na classificação final, as melhores que alcançamos foram bastante substânciais” comentou o piloto.

Satisfeito com o acerto do carro Bruno foi para o curto treino de aquecimento antes da classificação final bastante otimista, e acabou por marcar o melhor tempo do treino, 1min26s341, seguido de Bourdais que registrou 1min26s451.


Dez minutos de intervalo e foi dada a bandeira verde para a classificação. Bruno aguardou por 19 minutos até fazer sua primeira saida. Com pneus pretos Junqueira deu apenas uma volta rápida, e voltou aos boxes ocupando a mesma quarta posição que alcançou ontem.


E então, com apenas seis minutos para o encerramento da sessão o piloto mineiro partiu para sua última tentativa qualificatória com pneus vermelhos. Uma volta voadora e Bruno passou ao terceiro posto, com 1min25s491, mas então pegou o canadense, Alex Tagliani a sua frente e foi obrigado a tirar o pé, afim de abrir espaço para que pudesse ter mais uma tentativa. Porém pouco antes de Junqueira abrir sua última volta, o carro de Jan Heylen, com problemas mecânicos, espalhou óleo por boa parte da pista, e nessas condições ninguém conseguiu melhor na última tentativa.


Bruno largará pela quarta vez entre os top 3, e promete buscar amanhã sua primeira vitória aqui: “Já estive diversas vezes próximo a vitória nesse circuito, mas o melhor que conseguir finalizar foi mesmo no segundo lugar, mas espero mudar isso amanhã, e finalmente nessa temporada subir ao lugar mais alto do pódio. Nas anteriores cinco temporadas que disputei na ChampCar eu venci, e nesse ano de 2006 minha última oportunidade será agora. Além da vitória também busco conquistar a melhor posição final do campeonato possível, os três primeiros lugares já estão fora de questão, mas a briga pelo quarto e quinto continua bem vida” finalizou Junqueira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *