Copa Vicar: André Bragantini Jr. é pole em Brasília

André Bragantini largará na pole da segunda etapa da Copa Vicar, divisão de acesso da Copa Nextel Stock Car. O piloto da equipe FTS Competições (Peugeot) garantiu neste sábado, durante o treino classificatório, o lugar de honra no grid da prova, marcada para este domingo, a partir das 13h, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília.

Bragantini assegurou a pole no final do treino, após marcar 1min01seg258, com média horária de 171,543 km/h. Ao seu lado na primeira fila estará Tiago Gonçalves, da DCM Motorsport (Peugeot), que fez a volta em 1min01seg457. Rafael Daniel, companheiro de equipe de Bragantini, largará na terceira posição,com o tempo de 1min01seg590. A prova deste domingo terá transmissão ao vivo pelo Speed Channel e pelo RaceTV (www.racetv.com.br).

O final de semana em Brasília tem sido positivo de André Bragantini. Ele foi o melhor nos treinos livres de sexta-feira e confirmou neste sábado a boa fase ao assegurar a pole no treino classificatório, justamente nos minutos finais do treino. Destaque também para o desempenho de Tiago Gonçalves, 21º na sexta-feira e que esteve na frente durante boa parte da sessão deste sábado. Já o líder da competição, o paranaense Diogo Pachenki, da ALM Pachenki Motorsport (Chevrolet), não teve tanta sorte e após 25 voltas ficou com o 14o lugar do grid.

Bragantini está confiante para a prova deste domingo. “Estou com o carro na mão. A equipe fez um grande trabalho e me deu um carro equilibrado e constante. Isso me dá mais tranquilidade para a prova deste domingo”, afirmou o piloto paulista, que melhorou em um segundo seu tempo obtido na sexta-feira. Ele ainda ressaltou que gosta do traçado externo de Brasília. “Adoro, e muito. Foi aqui onde consegui minha primeira pole na V8, em 2003”, finalizou. Bragantini vai em busca de seus primeiros pontos na temporada, uma vez que não pontuou na prova de estréia, em Interlagos.

Classificatório da segunda etapa da Copa Vicar:

1º) 13 – André Bragantini (Peugeot, PR), 1:01.258, média de 171,54 Km/h
2º) 69 – Tiago Gonçalves (Peugeot, SP), 1:01.457
3º) 22 – Rafael Daniel (Peugeot, SP), 1:01.590
4º) 10 – Felipe Lapenna (Peugeot, SP), 1:01.593
5º) 6 – Juliano Moro (Chevrolet, SP), 1:01.624
6º) 28 – Galid Osman (Peugeot, SP), 1:01.624
7º) 4 – Gustavo Sondermann (Peugeot, SP), 1:01.685
8º) 17 – Eduardo Berlanda (Peugeot, SP), 1:01.706
9º) 90 – Eduardo Leite (Peugeot, SP), 1:01.793
10º) 18 – Rodrigo Navarro (Peugeot, SP), 1:01.865
11º) 26 – Wellington Justino (Chevrolet, GO), 1:01.910
12º) 99 – Julio Campos (Peugeot, PR), 1:01.975
13º) 11 – Pedro Boesel (Chevrolet, PR), 1:02.039
14º) 8 – Diogo Pachenki (Chevrolet, PR), 1:02.124
15º) 62 – Renato Russo (Peugeot, SP), 1:02.166
16º) 98 – Marcelo Tomasoni (Peugeot, SP), 1:02.282
17º) 43 – Cássio H de Melo (Chevrolet, SP), 1:02.340
18º) 44 – Daniel Pflaumer (Chevrolet, SP), 1:02.407
19º) 9 – Cristiano Federico (Peugeot, SP), 1:02.415
20º) 75 – Serafim Junior (Peugeot, SP), 1:02.426
21º) 21 – Lucas Finger (Chevrolet, SP), 1:02.432
22º) 16 – Afonso Bastos (Peugeot, SP), 1:02.437
23º) 31 – Italo Silveira (Chevrolet, SP), 1:02.552
24º) 19 – Marcel Wolfart (Peugeot, SC), 1:02.613
25º) 23 – Marco Cozzi (Chevrolet, SP), 1:02.725
26º) 27 – Guilherme Figueiroa (Chevrolet, SP), 1:02.928
27º) 12 – Leonardo Vital (Peugeot, SP), 1:02.960
28º) 92 – Renato Rattes (Peugeot, SP), 1:03.595
29º) 77 – Beto Cavaleiro (Peugeot, SP), 1:04.915

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *