Dakar: bicampeão assume a ponta

O atual bicampeão do Rali Dakar, francês Stéphane Peterhansel (Mitsubishi) assumiu a liderança entre os carros neste sábado, dia 07 de janeiro. Ele foi o terceiro colocado na oitava etapa de 508 km entre as cidades de Atâr e Nouakchott, na Mauritânia,

 


O francês Luc Alphand, companheiro de equipe de Peterhansel, e que liderava o Rali teve problemas e agora é o segundo colocado, com 32s de desvantagem. Logo atrás vem dois pilotos que já lideraram o Rali por um dia, Giniel De Villiers ( Volkswagen) e Nani Roma( Mitsubishi). O espanhol Carlos Sainz, líder nas primeiras etapas bateu em uma pedra no km 26, danificando uma das rodas. Um caminhão de apoio prestou ajuda ao piloto, que ficou praticamente fora da luta pela vitória no Rali.  Klever Kolberg (Mitsubishi) ganhou uma posição passando para o 13º lugar na classificação geral.


 


Entre os caminhões a disputa, que parecia ganha pelo russo Vladimir Tchaguine (Kamaz) aumentou com a vitória de seu companheiro de equipe, o também russo Firdaus Kabirov, na etapa de hoje (07/01). A vantagem de Tchaghine, que já foi de duas horas, caiu pra apenas 30m32s, depois de ele novamente atolar o seu caminhão nas dunas. André Azevedo (Tatra) continua em quinto lugar na classificação geral.


 


Nas motos o espanhol Marc Coma (KTM) segue na liderança, depois de ser o quinto colocado na etapa de hoje (07/01). O também espanhol Isidre Esteve Pujol superou o chileno Carlos de Gavardo e assumiu o segundo lugar, a 6m23s de Comá. O atual campeão, o francês Cyril Després, que corre com a clavícula deslocada, é o quarto. O brasileiro Jean Azevedo manteve o nono posto na classificação geral.


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *