Dakar: Varela e Macedo fazem corrida de recuperação na segunda especial

Após problemas na estréia da competição, a dupla da Equipe Rally Brasil teve que correr atrás do prejuízo no segundo dia do Dakar.

Embora o Dakar não tenha começado como o esperado para Reinaldo Varela e Marcos Macedo (Mitsubishi L200 RS), não há tempo para lamentar, já que é uma competição longa, e a cada dia surge um novo desafio, ainda mais difícil. Sendo assim, no segundo dia de competição realizado no último domingo (04), após largar praticamente entre os últimos caminhões, ficando a frente de apenas cinco veículos, a dupla teve que usar de toda técnica e perícia para conseguir chegar ao final de mais uma especial. No total, foram percorridos 837 quilômetros, porém, apenas 237 km de especial, sendo o restante de deslocamentos. Após uma prova extremamente difícil, o resultado foi positivo para a dupla, que conseguiu finalizar a prova com a 88ª colocação, de um total de 146 carros.

Segundo Reinaldo Varela foi um percurso muito difícil, onde muitos competidores ficaram pelo caminho. “A prova estava muito difícil, e chegamos a encalhar três vezes. Encontramos muitos carros pelo caminho, parecia até uma plantação de carros, por conta da quantidade de veículos quebrados. Tirando o problema de ter encalhado, de resto correu tudo muito bem, o carro estava muito bom, e considerando que tive que fazer uma corrida de recuperação, o resultado foi satisfatório”, avaliou.

Para a terceira etapa do Dakar, que teve largada nesta manhã, os competidores terão pela frente a primeira maratona do rali. Com 616 quilômetros de especial, e 78 km de deslocamentos. Varela, que largou às 08h30 esperava encontrar um trajeto muito complicado pelo caminho. “Com certeza será o pior e mais difícil até aqui, mas o carro foi totalmente revisado e espero fazer uma boa prova”, afirmou. Ainda na Argentina, os carros partiram de Puerto Madryn, rumo a cidade de Jacobacci.

Reinaldo Varela e Marcos Macedo (Rally Brasil) têm o patrocínio de Mitsubishi, Pirelli, Blindarte, além de apoio da Itamotors, Divino Fogão, São Paulo-I, Shell, Borgwarner e Artfix.

PROGRAMAÇÃO DAKAR 2009

A prova, que acontecerá entre 03 e 17 de janeiro de 2009 na América do Sul.

Confira abaixo os detalhes de cada dia:

Etapa 4 (terça-feira, 6 de janeiro) – Jacobacci / Neuquen
Deslocamento: 4 km
Especial: 459 km
Deslocamento: 25 km
Total do dia: 488 km

Etapa 5 (quarta-feira, 7 de janeiro) – Neuquen / San Rafael
Deslocamento: 173 km
Especial: 506 km
Deslocamento: 84 km
Total do dia: 763 km

Etapa 6 (quinta-feira, 8 de janeiro) – San Rafael / Mendoza
Deslocamento: 76 km
Especial: 395 km
Deslocamento: 154 km
Total do dia: 625 km

Etapa 7 (sexta-feira, 9 de janeiro) – Mendoza (ARG) / Valparaiso (CHL)
Deslocamento: 80 km
Especial: 419 km
Deslocamento: 317 km
Total: 816 km

Etapa 8 (domingo, 11 de janeiro) – Valparaiso / La Serena
Deslocamento: 245 km
Especial: 294 km
Deslocamento: 113 km
Total do dia: 652 km

Etapa 9 (segunda-feira, 12 de janeiro) – La Serena / Copiapo
Deslocamento: 88 km
Especial: 449 km
Total do dia: 537 km

Etapa 10 (quinta-feira, 13 de janeiro) – Copiapo / Copiapo
Deslocamento: 20 km
Especial: 666 km
Total: 686 km

Etapa 11 (quarta-feira, 14 de janeiro) – Copiapo / Fiambala
Deslocamento: 20 km
Especial: 215 km
Deslocamento: 445 km
Total do dia: 680 km

Etapa 12 (quinta-feira, 15 de janeiro)- Fiambala / La Rioja
Deslocamento: 4 km
Especial: 253 km
Deslocamento: 261 km
Total do dia: 518 km

Etapa 13 (sexta-feira, 16 de janeiro) – La Rioja / Cordoba
Deslocamento: 161 km
Especial: 545 km
Deslocamento: 47 km
Total do dia: 753 km

Etapa 14 (sábado, 17 de janeiro) – Cordoba / Buenos Aires
Deslocamento: 224 km
Especial: 227 km
Deslocamento: 341 km
Total do dia: 792 km

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *