DTM: Gary Paffett vence em Dijon-Prenois

O inglês Gary Paffett, num Mercedes C Klasse 09 da AMG, venceu neste domingo (11/10), em Dijon-Prenois, a 9ª etapa da temporada. Seus parceiros de equipe, o escocês Paul di Resta e o canadense Bruno Spengler, completaram o pódio.

Saindo da 8ª posição, Paffett assumiu a segunda posição, atrás do sueco Mattias Ekström, num Audi A4 09 da Abt, após a dupla superar o pole-position Spengler, depois da primeira rodada de pit stops. Com a dupla abrindo vantagem na liderança, começaram os problemas com os pneus dos pilotos da Audi.

Primeiro com o líder do campeonato, e atual campeão, o alemão Timo Scheider, que teve o pneu traseiro direito furado na 22ª volta. Scheider teve que retornar aos boxes com seu Audi A4 09 da Abt. O inglês Oliver Jarvis, e o dinamarquês Tom Kristensen, foram os próximos a terem problemas nos pneus de seus Audi.  

Para completar o drama da Audi, o líder Ekström entrou pela terceira vez nos boxes, na 46ª volta, com um pneu furado. Paffett assumiu a liderança, faltando seis voltas para o final, com confortáveis dez segundos de vantagem sobre di Resta.  Contudo, tendo que cuidar dos pneus de seu Mercedes, Paffett viu a sua vantagem cair drasticamente nas voltas finais.

O campeão de 2005 recebeu a bandeirada com 0s834 de vantagem sobre di Resta. Em 3º, Spengler conquistou o seu primeiro pódio. O inglês Jamie Green, com um Mercedes C Klasse do ano passado, foi o 4º, seguido pelo alemão Ralf Schumacher, que conquistou o seu melhor resultado até agora na categoria.  Scheider chegou em 6º, com o compatriota e parceiro de equipe, Martin Tomczyk, na 7ª posição.

O austríaco Matthias Lauda, num Mercedes C Klasse 08 da Persson, conquistou o último ponto, beneficiado por um enrosco entre Alexandre Prémat e Maro Engel. Na última volta, o francês e o alemão se enroscaram na curva cinco, bloqueando Ekström e permitindo a passagem do filho de Nick Lauda.

 Scheider lidera o campeonato com 56 pontos, sete a mais do que Paffett.

A última etapa acontece no dia 25 de outubro, em Hockenheim, na Alemanha.

Final:

1 – Gary Paffett (Mercedes C Klasse 09) – AMG – 1h04m38s472
2 – Paul Di Resta (Mercedes C Klasse 09) – AMG – 0″834
3 – Bruno Spengler (Mercedes C Klasse 09) – AMG – 1″055
4 – Jamie Green (Mercedes C Klasse 08) – AMG – 1″308
5 – Ralf Schumacher (Mercedes C Klasse 09) – AMG – 1″807
6 – Timo Scheider (Audi A4 09) – Abt – 2″239
7 – Martin Tomczyk (Audi A4 09) – Abt – 3″260
8 – Mathias Lauda (Mercedes C Klasse 08) – Persson – 4″021
9 – Mattias Ekstrom (Audi A4 09) – Abt – 4″577
10 – Markus Winkelhock (Audi A4 08) – Rosberg – 4″988
11 – Alexandre Prémat (Audi A4 08) – Phoenix – 5″228
12 – Maro Engel (Mercedes C Klasse 08) – Persson – 5″938
13 – Mike Rockenfeller (Audi A4 08) – Rosberg – 8″158
14 – Susie Stoddart (Mercedes C Klasse 08) – Persson – 9″715
15 – Oliver Jarvis (Audi A4 08) – Phoenix – 1 volta
16 – Katherine Legge (Audi A4 09) – Abt – 1 volta
17 – Tomas Kostka (Audi A4 07) – Kolles – 1 volta
18 – Tom Kristensen (Audi A4 09) – Abt – 4 volta

Volta mais rápida: Paul Di Resta 1’11″644

Abandonos:

Christian Bakkerud (Audi A4 07) – Kolles – 10 voltas
Johannes Seidlitz – (Audi A4 07) – Kolles – 9 voltas

Campeonato:
1.Scheider 56 pontos; 2.Paffett 49; 3.Ekstrom 41; 4.Di Resta e Spengler 39; 6.Tomczyk 35; 7.Green 23; 8.Kristensen 21; 9.Jarvis 15; 10.Winkelhock 10

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *