Endurance Brasil/RS: Vitória da 1ª etapa fica com Nilson Ribeiro e José Ribeiro

Revisão do resultado dá o primeiro lugar à dupla de pai e filho do Mato Grosso do Sul

O resultado da primeira etapa do Endurance Brasil/RS, que aconteceu no último domingo, com um grid de mais de 50 carros em Tarumã, estava sub judice, pois o MRX #65 de Nilson e José Ribeiro havia entrado com recurso alegando que a punição ao seu carro não estava correta, já que a parada havia sido feita de acordo com o regulamento.

Os comissários analisaram a decisão e deram a vitória a dupla de pai e filho, que vem de Campo Grande para disputar as provas no Rio Grande do Sul.

“Durante a primeira janela da corrida houve uma falha no sensor da saída dos box, o José Roberto percebeu que estava adiantado e resolveu parar antes da linha de marcação do sensor. O bandeirinha do portão empurrou nosso carro para trás e liberou a saída de outros carros, com o testemunho dele e com as imagens da nossa câmara on board mostramos que, não cabia penalização. Fizemos o recurso e foi acatado pelos comissários, voltando o resultado real da prova,”, explicou Nilson Ribeiro.

A dupla, que corre na categoria P2, conquistou a vitória em cima dos potentes carros da GP1 e garante que para eles isso vale em dobro. “Nossa vitória na geral foi brilhante, somos da categoria P2, motor 2.0 aspirado com 300 hp, e brigamos de igual para igual com os carros turbos de muito maior potência da GP1. Nos anos que participamos do Endurance com o MRX , já vencemos na geral nas 500 milhas de Londrina, Três Horas de Londrina , Três Horas de Curitiba e Três Horas de Guaporé, além de vários segundo e terceiro lugares na geral. Somos uma equipe pequena, que viaja 3.700 quilômetros , então uma vitória como essa vale dobrado para nós”, comemorou o piloto.

A vitória foi seguida pelo segundo lugar do trio Moro/Martins/Almeida com o MRX #28 e o terceiro ficou com a dupla do MRX #75, de Henrique Assunção e de Ronaldo Kastropil.

A 2ª etapa do Endurance Brasil/RS em Santa Cruz do Sul, no dia 17 de maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *