Endurance: Famílias fazem parte do espetáculo da velocidade no Rio Grande do Sul

O envolvimento familiar já é uma tradição nas corridas do Rio Grande do Sul.

Equipes formadas por pais e filhos ou ainda irmãos ou primos são uma constante no Rio Grande do Sul. As categorias que fazem parte da programação do Campeonato Gaúcho de Marcas & Pilotos não fogem à regra.

No Marcas, temos a presença de pais e filhos, como Urbano da Silva e Leandro da Silva; César Cardoso e Fabiano Cardoso; João Sant’Anna e Vítor Genz e Leandro Grupe e Cássio Grupe. Já entre os irmãos que participam, temos: João Cardoso Jr. e César Cardoso; Roberto e Robson Walther; Darci e Robson Werner; Leandro e Anderson Grupe. Ainda nos termos familiares, temos a dupla formada por tio e sobrinho, Luiz Sérgio Sena Jr. e Carlos Vales.

Na endurance esta característica se repete, com as duplas de pais e filhos Carlinhos de Andrade e Tiel de Andrade; João Sant’Anna e Vítor Genz; Guaracy Costa e Rafael Costa; Carlos Giacomello e Marcello Giacomello; Vítor Castro e Christian Castro; Paulo Bertuol e Felipe Bertuol; Renato Stumpf e Matheus Stumpf; Nereu Rebecchi e Tiago Rebecchi. Já entre os irmãos, temos Vítor e Guaracy Costa; Sólon e Sidnei Toigo e o trio Luiz, Ricardo e Renato Kreuz.

Já na Copa Fusca, teve a talvez inédita dupla de avô e neto, formada por Flávio Grupe e Cássio Grupe.

Isto denota a tradição do automobilismo no Rio Grande do Sul, onde famílias inteiras participam das provas do Campeonato Gaúcho de velocidade, que tem sua estréia pré confirmada para o dia 6 de abril de 2008 no Autódromo Internacional de Tarumã em um verdadeiro show de velocidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *