Endurance: Vistoria tira pole de Moro/Castro para abertura do Brasileiro

Ausência de lanternas no protótipo MRX joga dupla para nona fila; Ferrari de Serra/Longo herda posição de honra dos 500 km de Tarumã.

A pole position dos 500 km de Tarumã mudou de mãos após a vistoria técnica realizada no protótipo de Juliano Moro e Christian Castro. Os comissários detectaram a ausência de lanternas na parte dianteira do MRX, fazendo com que a dupla gaúcha perdesse a posição de honra.

Com a punição, a Ferrari de Daniel Serra e Chico Longo herdou a primeira posição, enquanto Moro e Castro terão de largar da nona fila, na 17ª posição. No entanto, as duas duplas voltaram a duelar no warm-up, disputado na manhã deste domingo, com os paulistas levando a melhor sobre os gaúchos.

Também foi punida por estar sem lanternas a dupla Rodrigo Gonçalves/Fabricio Colla (Ford Ka); as outras duas penalizações foram aplicadas a Geciel de Andrade/Bruno Justo (Tubarão) e Carlos Benedetti/Irineu Camargo (Spyder), por estarem sem lacre nos pneus.

A largada dos 500 km de Tarumã, etapa inaugural do Brasileiro de Endurance em 2010, acontece às 11h38 (de Brasília). A partir desta temporada, o campeonato passa a ser organizado pela SRO Latin América, e os melhores momentos das cinco etapas serão exibidos pelo canal por assinatura Speed Channel. Confira o novo grid de largada para a corrida deste domingo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *