Entrevista: Célio Di Pace, navegador que forma dupla com Tony Almeida no Cross Country

Ao lado de Tony Almeida, Célio Di Pace fará sua estréia no Rally Cross Country. Confira a entrevista abaixo:

SpeedRacing – Quando e como você começou a se interessar por automobilismo?
Célio – Em 2005, a convite de um amigo para participar do Mitsubishi Motorsports em Alagoas.

SR –  Porque resolveu competir em rallys?
Célio – Pela facilidade de acesso em nossa região a modalidade.

SR –  Qual a prova, que ficou registrada em sua memória?
Célio – A última etapa da Copa Troller Nordeste (cat. turismo), que nos deu o vice-campeonato em 2006 e toda a temporada 2007 do Campeonato Brasileiro de Rally 4×4 (cat. diesel) por ter alcançado o título nacional.

SR – Além de navegador, você se envolve em outras atividades no Rally?
Célio – Sim, além de navegador sou piloto de rally de regularidade e também de rally 4×4 e quando não estou competindo, tento contribuir com a organização e direção das provas, pelo simples fato de estar envolvido com automobilismo.

SR –  Você pratica algum ritual antes das provas?
Célio – Não. Que tenha percebido.

SR – Muita ansiedade para estrear no Mitsubishi Cup?
Célio – Bastante, pois tudo é novidade, inclusive não tenho nenhuma prática como navegador em provas de rally cross country, mas estamos tentando tirar esta ansiedade com os treinamentos para uma melhor adaptação na modalidade.

SR –  Quais os objetivos da dupla para esta temporada?
Célio – Nosso objetivo será terminar todas as provas deste ano, tentando pontuar o máximo possível e tentar conseguir ser a dupla revelação na categoria L200 RS no Mitsubishi Cup, isso seria de bom tamanho.

SR –  Em sua opinião, quais são as duplas que lutam pelo título na Mitsubishi Cup Nordeste 2008?
Célio – Na L200 RS Riamburgo Ximenes / Stanger Eller ou Mauricio / Gustavo Bortolanza.

SR –  Vocês pretendem correr em algum outro campeonato no Rally Cross Country?
Célio – Sim, Velopiocerá, RN 1500 e quem sabe o Sertões.

SR – Quais são seus planos dentro do Rally Cross Country?
Célio – Ainda não tenho nenhum plano definido, temos pretensões como respondi na pergunta passada. Esse ano espero apenas alcançar bons resultados nas três etapas da Cup que vamos disputar e que também servirão para meu entrosamento com Tony e ganho de experiência dentro da modalidade, temos alguns contatos com patrocinadores e no próximo ano iremos realmente traçar todos os nossos objetivos.

SR – Como você acha que o Rally pode atrair mais interesse do público e  mídia?
Célio – Com a viabilização de eventos na região Nordeste, como a Mitsubishi Cup e Motorsports, Campeonato Brasileiro de Rally 4×4 e Copa Troller, só que para isso precisamos de investimentos tanto do Governo (municipais e estaduais) como de empresas privadas, com isso atrairíamos mais público e com certeza o foco da mídia em geral.

SR –  Qual seu ídolo no Rally nacional e internacional?
Célio – Nacional Lourival Roldan, Internacional não tenho, mas acompanho o WRC e admiro bastante a forma como os carros são pilotados.

SR – Conte-nos um pouco da sua trajetória nos Rallys.
Célio – Em 2005 fui participar do Mitsubishi Motorsports em Alagoas através do convite de um amigo, porém ficamos na 33ª colocação e com um carro emprestado, mas acabamos ainda na frente do amigo que me convidou e o mesmo já corria há algum tempo. A partir daí comprei um Troller no final de 2005 e no começinho de 2006 já fui participar do Cerapió / Piocerá, mantendo as participações nos anos de 2007 e 2008, nesses mesmos anos participei de provas de regularidade por todo Nordeste, tivemos nosso melhor resultado em provas de regularidade na Copa Troller Nordeste (cat. Turismo) 2006, alcançamos o vice-campeonato, nesse mesmo ano começamos a correr no Rally 4×4 onde tivemos alguns bons resultados e em 2007 fui disputar o Campeonato Brasileiro (cat. Diesel) e consegui chegar ao término como Campeão. 2008 iniciei o ano como motorista (kkkkkk…) ajudando a imprensa na 1ª etapa do Mitsubishi Cup Nordeste, nessa mesma prova o Piloto Tony Almeida me convidou para ser seu navegador e de imediato eu aceitei, 15 dias após compramos o veículo para participar de provas de rally cross country e estamos juntos nessa nova empreitada, que terá início oficialmente no dia 13 de setembro na 2ª etapa da Mitsubishi Cup, que por coincidência será em João Pessoa (cidade natal da dupla) e com certeza tudo dará certo com a graça de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *