IndyCar: Helio Castroneves vence em Sonoma e vai para a galera

O brasileiro Helio Castroneves, da Penske, venceu neste domingo (24/08), o GP de Sonoma, 15º etapa da temporada. Foi a primeira vitória de Helinho desde o GP de São Petersburgo no ano passado. O parceiro de equipe, o australiano Ryan Briscoe, ficou em 2º, com o brasileiro Tony Kanaan, da Andretti-Green, completando o pódio.

O brasileiro Helio Castroneves, da Penske, venceu neste domingo (24/08), o GP de Sonoma, 15º etapa da temporada. Foi a primeira vitória de Helinho desde o GP de São Petersburgo no ano passado, um jejum de 29 corridas. O parceiro de equipe, o australiano Ryan Briscoe, ficou em 2º, com o brasileiro Tony Kanaan, da Andretti-Green, completando o pódio.


Na largada Castroneves, pole-position, manteve a ponta, seguido por Briscoe, o australiano Will Power, da KV Racing, Kannan e o líder do campeonato, o neozelandês Scott Dixon, da Ganassi.


Na 16º volta aconteceu a primeira e única amarela da prova, quando o canadense Marty Roth, da Roth Racing, rodou na curva sete. O milionário, dublê de piloto, voltou a prova. Na volta seguinte a maioria dos pilotos foi aos boxes pela primeira vez. Briscoe ficou na pista, assumindo a ponta, seguido por Kanaan, que também não parou. Helio caiu para 15º. Na 18º volta a prova recomeçou.


Na 28º volta Briscoe e Kanaan fizeram as suas paradas. O venezuelano Ernesto Viso, da HVM Racing, que havia parado no início da prova, era o novo líder. Castroneves vinha na 6º posição.


Com os pilotos à frente, parando pela segunda vez nos boxes, Castroneves foi ganhando posições, voltando à liderança com a ida de Viso ao pit, na 36º volta.


O brasileiro foi abrindo vantagem e na 43º volta já tinha mais de 16 segundos de frente para Briscoe. Ele parou nos boxes, com o parceiro assumindo a ponta.


Briscoe fez a segunda parada na 53º volta, deixando Kannan como líder por apenas uma volta. Com a parada do baiano Castroneves era novamente líder. Na 57º volta Helio parou pela última vez nos boxes. Viso liderou mais duas voltas, devolvendo a liderança a Helinho.


Nas 20 voltas finais Castroneves não teve preocupação alguma, vencendo com cinco segundos de vantagem para Briscoe. Um final de semana perfeito para a equipe, depois do incêndio no caminhão da equipe, quando se dirigia para o circuito, que destruiu equipamentos e os dois carros titulares da equipe.


E como Sonoma não tem alambrado, Helinho inovou mais uma vez, ao pular a pequena cerca divisória e ir comemorar, de capacete e tudo, no meio da torcida brasileira.


Whledon, depois de um péssimo treino classificatório, fez ótima prova, terminando em 4º, seguido pela norte-americana Danica Patrick, da Andretti-Green, que pela primeira vez foi bem num circuito misto. Viso foi outro que mostrou serviço, liderou, completando na 6º posição.


Mais dois brasileiros terminaram entre os dez primeiros. Vitor Meira, da Panther, em 7º e Mario Moraes, da Dale-Coyne, na 10º posição. Os demais brasileiros chegaram lá trás. Bruno Junqueira, da Dale-Coyne, 17º, e a dupla da Conquest, Enrique Bernoldi e Jaime Câmara, em 21º e 24º.


Depois de largar na 5º posição Dixon não se achou na pista californiana, finalizando em 12º lugar.


O único abandono do dia foi o do sul-africano Tomas Scheckter, em um de suas esporádicas aparições com o carro da Luczo Dragon. Com problemas no carro, desistiu na 57º volta.


Dixon viu a sua vantagem para Castroneves no campeonato cair para 43 pontos, 576 a 533. Faltando duas provas para o termino do campeonato, apenas os dois tem chances de levar a taça.


A próxima etapa acontece no domingo (31/08), em Belle Isle, em Detroit.


Final:


1 Hélio Castroneves (BRA) Penske 80 voltas
2 Ryan Briscoe (AUS) Penske a 5s2926
3 Tony Kanaan (BRA) Andretti Green a 16s6032
4 Dan Wheldon (ING) Ganassi a 17s7720
5 Danica Patrick (EUA) Andretti Green a 18s0378
6 E.J. Viso (VEN) HVM Racing a 29s3472
7 Vítor Meira (BRA) Panther a 29s9895
8 Graham Rahal (EUA) Newman Haas Lanigan a 40s4577
9 Justin Wilson (ING) Newman Haas Lanigan a 42s0357
10 Mário Moraes (BRA) Dale Coyne a 50s0106
11 Buddy Rice (EUA) Dreyer & Reinbold a 55s0361
12 Scott Dixon (NZL) Ganassi a 55s7145
13 Hideki Mutoh (JAP) Andretti Green a 56s3186
14 Marco Andretti (EUA) Andretti Green a 57s5400
15 Oriol Servia (ESP) KV Racing a 58s3690
16 Mario Dominguez (MEX) Pacific Coast a 1min00s7380
17 Bruno Junqueira (BRA) Dale Coyne a 1min00s9450
18 Ryan Hunter-Reay (EUA) Rahal Letterman a 1min06s0870

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *