F-BMW: Giancarlo Vilarinho termina Scholarship com avaliação positiva

Representante brasileiro foi o mais elogiado pelos instrutores e deve voltar a Valência em outubro. Nos testes, bateu o tempo registrado por Pedro Bianchini no ano passado.

Com duas sessões de treinos livres e até simulação de largada, terminou nesta terça-feira (24), em Valência, na Espanha, a primeira parte da fase inicial do BMW Scholarship, evento que revela os talentos que serão apoiados pela montadora. O grupo que andou nos últimos dias foi o primeiro de dois e aqueles que forem considerados os mais habilidosos na soma das atividades estarão classificados para a final do evento, em outubro, valendo um contrato de piloto oficial da montadora alemã.

Quem aparece bem nesta disputa é o brasileiro Giancarlo Vilarinho, que foi bem em todos os exercícios e recebeu elogios da equipe de instrutores e olheiros, incluindo o chefe deles, Pat Blakeney. “Ele foi o mais rápido, melhorou ao longo das atividades e demonstrou conhecimento de todos os fundamentos. Com certeza, é um garoto que tem um bom futuro pela frente”, comentou o inglês. Apesar das frases animadoras, os nomes dos convocados para a final serão anunciados somente dentro de algumas semanas.

Os profissionais que acompanharam a disputa vão se reunir com a BMW na Alemanha para apresentar um relatório e definir os escolhidos para a parte final. Giancarlo Vilarinho deve estar na lista não só por ter sido o mais rápido, mas por responder com atenção ao que pediam os instrutores, um dos pontos mais observados no BMW Scholarship. “Eu gostei muito de participar, aprendi muito e atingi a meta de chegar a Valência em condições de me classificar para a final”, comentou Giancarlo Vilarinho.

“Agora é controlar a expectativa para o anúncio oficial. Acho que tenho boas chances e fiquei bastante satisfeito com tudo o que aconteceu aqui”, concluiu Giancarlo Vilarinho, de 15 anos. Ele ainda precisa esperar o novo treino, nos dias 3 e 4 de agosto, que vai reunir os demais candidatos. De qualquer forma, já cumpriu um dos objetivos, que era receber a aprovação dos instrutores para a carteira de piloto da categoria, que lhe permite testar em qualquer pista daqui em diante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *