F-BMW: Henrique Martins não poderá disputar a final do BMW Scholarship

Piloto brasileiro optou por competir na F-BMW Européia em 2008. Em virtude disso, não poderá usar o prêmio que, para os brasileiros, deveria obrigatoriamente ser aplicado no campeonato Norte-Americano da categoria.

 


Mesmo tendo sido o grande destaque de seu grupo na fase classificatória do BMW Scholarship, seletiva promovida pela montadora alemã com o objetivo de revelar talentos para a Fórmula BMW, o piloto paulista Henrique Martins não poderá participar da fase final da competição – que será realizada no mês de outubro em Valência, na Espanha.


 


De acordo com o novo regulamento do torneio, os pilotos nascidos no continente americano só poderão usar os R$ 150 mil oferecidos como prêmio aos campeões na Fórmula BMW dos EUA. Como Henrique optou por disputar o Campeonato Europeu da categoria em 2008, sua presença na finalíssima criaria uma situação, até certo ponto, embaraçosa: mesmo sagrando-se campeão, ele deixaria o Scholarship de mãos vazias, já que não poderia assinar contrato com a BMW.


 


Para evitar o impasse, a montadora enviou uma carta ao brasileiro oficializando sua convocação para a final caso alterasse seu projeto inicial e optasse por competir nos EUA. Mesmo havendo essa possibilidade, Henrique preferiu manter o foco no automobilismo europeu e, embora tenha terminado a fase de classificação com um dos desempenhos mais consistentes do grupo de 40 pilotos que disputaram uma das vagas na decisão, não estará em Valência na decisão.


 


“Já sabíamos que isso poderia acontecer caso eu optasse por correr na Europa em 2008, mas mesmo perdendo a chance de vencer a seletiva, acho que este será o melhor caminho a seguir no ano que vem”, declarou Henrique Martins. “O principal objetivo da minha carreira sempre foi chegar à Fórmula 1, e eu me distanciaria desta meta caso fosse correr nos EUA na próxima temporada”, continuou o piloto.


 


Aos 15 anos de idade, Henrique Martins é Campeão Paulista Light de Kart e na atual temporada ocupa a vice-liderança do torneio estadual de Shifter Kart – por onde correm pilotos e ex-pilotos de monopostos, como Danilo Dirani, André Sousa, Leonardo Cordeiro e Rafael Suzuki. A boa base adquirida no kart fez com que ele se destacasse na disputa, mesmo concorrendo com adversários mais experientes e mais habituados ao circuito de Valência.


 


“Aprendi muito no kart, principalmente na categoria Shifter, e acredito que eu teria chances de vencer o Scholarship”, continuou Henrique Martins. “Mas creio que, embora esta tenha sido uma decisão difícil, tomei o caminho certo rumo a meu grande sonho, que é, um dia, estar preparado para acelerar um Fórmula 1”, acrescentou o piloto.


 


Os quatro primeiros colocados na final do BMW Scholarship assinarão um contrato de um ano com a montadora alemã e receberão um prêmio de R$ 150 mil cada, que deve ser aplicado na disputa de um dos campeonatos da Fórmula BMW no mundo – desde que no mesmo continente de nascimento do competidor.


 


Entre os brasileiros que disputaram a fase de classificação da edição de 2007 do BMW Scholarship, estão classificados para a final o brasiliense Luiz Felipe Nasr e os paulistas Alexandre Ruiz, Giancarlo Vilarinho e Victor Carbone.


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *