F-Renault Européia: Lapenna chega em oitavo na abertura do campeonato, mas não leva os pontos

Piloto brasileiro terminou a etapa deste domingo entre os primeiras colocados, mas recebeu uma punição de 25 segundos por queima de largada e ficou em 25º.

 


A rodada dupla de abertura do Campeonato Europeu de Fórmula Renault, disputada neste fim de semana no Autódromo de Zolder, na Bélgica, terminou com bom resultado na pista para o piloto brasileiro Felipe Lapenna (WebMotors), mas não rendeu a ele os primeiros pontos na classificação geral do campeonato. Nono colocado no grid de largada para a corrida deste domingo, Felipe recebeu a bandeirada na oitava colocação e ainda teve tempo de comemorar o resultado, mas foi penalizado horas depois em 25s por queima de largada e ficou em 25º.


 


“Por eu não conhecer a pista de Zolder, já era esperado que esta corrida fosse difícil, e por isso considero o fato de ter terminado bem colocado bastante positivo”, declarou Felipe. “Mas, infelizmente, ter chegado em oitavo não me garantiu os primeiros pontos no campeonato, o que teria sido muito importante em virtude da alta competitividade da categoria”, completou o piloto.


 


Ter mantido os pontos na rodada deste domingo da Fórmula Renault Européia era fundamental para Lapenna depois do abandono sofrido na corrida anterior, realizada no sábado. Após ser atrapalhado no treino classificatório, o piloto brasileiro saiu apenas na oitava fila e acabou envolvido em um múltiplo acidente na primeira volta. “Na primeira corrida faltou sorte, mas largar no pelotão intermediário tem dessas coisas. Invariavelmente acontece algum acidente e nem sempre dá para escapar da batida”, avaliou Felipe.


 


As duas corridas deste fim de semana foram vencidas por Brendon Hartley, da forte equipe espanhola Epsilon. Atual Campeão Brasileiro de Fórmula Renault, Lapenna faz neste ano sua estréia no automobilismo internacional, e disputa os campeonatos Europeu e Italiano da categoria. O próximo desafio do piloto brasileiro será no dia 6 de maio, no Autódromo de Nurburgring, na Alemanha, onde será disputada a segunda etapa do torneio Europeu.


 


“Acredito que a corrida da Alemanha seja mais favorável para nossa equipe, já que fizemos alguns bons treinos nessa pista na pré-temporada. Na prova de hoje meu carro saía um pouco de frente, e não consegui ganhar muitas posições, mas espero que em Nurburgring possamos estar entre os cinco mais rápidos”, encerrou Lapenna.


 


Pedor Nunes, da SL, foi o 24º na primeira prova e abandonou a 2º.


 


Os resultados completos das duas corridas da Fórmula Renault Européia no fim de semana são:


 


Prova 1 (sábado)


 


1) Brendon Hartley (Epsilon), 17 voltas em 27min39s080
2) Tristan Vautier (Graff), a 4s280
3) Nelson Panciatici ( SG), a 6s686
4) Jaime Alguersuari ( Epsilon), a 7s456
5) Markus Niemela (BVM Minardi), a 10s063
6) Oliver Turvey (Jenzer), a 15s672
7) Oliver Oakes (Motopark), a 16s861
8) Frank Kechele (Motopark), a 16s924
9) Tobias Hegewald (Motopark), a 18s634
10) Charles Pic (SG), a 20s424
11) Aleix Alcaraz (District), a 25s141
12) Anton Nebiltskiy (SL), a 26s073
13) Roberto Merhi (Jenzer), a 26s421
14) Daniel Zampieri (Cram), a 31s683
15) Jonathan Hirschi (Boutsen), a 32s037
16) Mihai Marinescu (District), a 40s651
17) Tiago Petiz (Omicron), a 48s211
18) Fabio Leimer (Jenzer), a 49s316
19) Miquel Julià (Epsilon), a 49s986
20) Stephane Richelmi (Boutsen), a 54s124
21) Pablo Montilla (Epsilon), a 56s866
22) Giovanni Nava (Cram), a 57s296
23) Fabio Onidi (Motopark), a 57s661
24) Pedro Nunes (SL), a 59s225
25) Francesc Moreno (Omicron), a 59s805
26) Gary Hirsch (Graff), a 1’01s361
27) Joe Ghanem (Carlin), a 1 giro


Abandonaram: Jon Lancaster, Facundo Crovo, Felipe Lapenna e Alexandre Marsoin (1ª volta), Alex Khateeb (6ª volta), Mika Maki (10ª volta), Stefano Coletti (11ª volta), Martin Plowman e Andrea Caldarelli (15ª volta).


 


Prova 2 (domingo)


 


1) Brendon Hartley (Epsilon), a 17 voltas em 27min36s145
2) Henki Waldschmidt (Prema), a 4s726
3) Tristan Vautier (Graff), a 6s804
4) Oliver Turvey (Jenzer), a 7s735
5) Stefano Coletti (Epsilon), a 9s440
6) Frank Kechele (Motopark), a 10s038
7) Oliver Oakes (Motopark), a 10s259
8) Fabio Onidi – Motopark (11s922
9) Markus Niemela), a BVM Minardi (12s220
10) Roberto Mehri (Jenzer), a 12s631
11) Alexandre Marsoin (SG), a 15s388
12) Fabio Leimer (Jenzer), a 16s274
13) Mika Maki (Epsilon), a 17s201
14) Daniel Zampieri (Cram), a 18s315
15) Andrea Caldarelli (Prema), a 18s620
16) Tobias Hegewald (Motopark), a 19s596
17) Anton Nebiltskiy (SL), a 20s700
18) Jonathan Hirschi (Boutsen), a 21s369
19) Giovanni Nava (Cram), a 27s354
20) Tiago Petiz (Omicron), a 28s693
21) Stephane Richelmi (Boutsen), a 29s845
22) Gary Hirsch (Graff), a 30s281
23) Jaime Alguersuari (Epsilon), a 31s398
24) Francesc Moreno (Omicron), a 33s991
25) Felipe Lapenna (BVM Minardi), a 35s455
26) Jon Lancaster (SG), a 37s159
27) Miquel Julià (Epsilon), a 37s462
28) Charles Pic (SG), a 43s592
29) Pablo Montilla (Epsilon), a 48s476
30) Joe Ghanem (Carlin), a 1’10s723


 


Abandonaram: Facundo Crovo e Pedro Nunes (1ª volta), Martin Plowman e Aleix Alcaraz (6ª volta), Nelson Panciatici (7ª volta), Alex Khateeb (11ª volta), Mihai Marinescu (14ª volta).


 


Após duas corridas, os dez primeiros no campeonato sao:


 


1) Hartley, 33 pontos;


2) Vautier 22


3) Turvey 13


4) Waldschmidt 12


5) Panciatici 10


6) Alguersuari, Niemela, Kechele e Oakes 8


10) Coletti 6


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *