F-Renault Inglesa: Dia ruim de treinos para Victor Corrêa

Piloto mineiro sofreu com problemas no carro e estratégias confusas nos treinos livres.

“Um dia daqueles que não se deve sair da cama”. Esse foi o resumo de um chateado Victor Corrêa (Unifenas) para o dia de treinos livres para a disputa da 7ª e 8ª etapas do Campeonato Britânico de Fórmula Renault, que acontecerão neste sábado e domingo (5 e 6/06) no circuito de Oulton Park Island (3.616 metros), no autódromo de Oulton Park. “Mas isso não me desanima. Amanhã é outro dia e vou trabalhar mais ainda”, sentenciou o brasileiro, que fez o 16º tempo no geral.
 
Na primeira sessão de treinos livres, um problema mecânico fez o piloto ter de parar nos boxes para arrumar o carro. Quando a pane foi sanada, uma escolha confusa da equipe CRS Racing na estratégia de acerto fez Victor perder o restante do treino.
 
“Parei para arrumar o problema mecânico, que era simples, mas custou um certo tempo. Quando ficou bom, eu estava treinando com pneus usados e me chamaram para colocar pneus novos, mas o tempo da sessão já estava no limite e não consegui abrir uma volta com os pneus novos”, lamentou o mineiro.
 
Na parte da tarde, outros imprevistos acometeram o carro de Victor. “Na segunda sessão de treinos, por causa das outras categorias que correm junto conosco, a pista ficou emborrachada demais e os pneus novos ‘seguravam’ demais meu carro. E para completar, a tampa do motor começou a se soltar e tive de parar para arrumar. Realmente não foi um bom dia. Nem para mim, nem para a equipe”, comentou o piloto.
 
“Mas eu não desanimo. Vou trabalhar mais ainda para fazer uma boa classificação. Já sabemos que acerto vamos usar e vou arriscar para largar mais à frente. Só tenho de me preocupar em não errar, pois uma das corridas é no sábado mesmo e vou ter de poupar um pouco o carro. Mas vou pra cima sem medo”, completou o mineiro de Alfenas.
 
Os outros competidores da equipe CSR Racing, Harry Tincknell, Robert Foster-Jones e Michael Lyons terminaram em 7º, 10º e 14º lugares, respectivamente. O brasileiro Fábio Gamberini (Mark Burdett Motorsport) foi o 13º colocado. O líder do campeonato, o húngaro Tama’s Pa’l Kiss, ficou na 3ª posição.
 
As duas baterias de classificação para a 7ª e 8ª etapas acontecem no sábado (05/06) às 5h05 e 10h10 (horários de Brasília) bem como a prova válida pela 7ª etapa, que tem largada prevista para às 13h05. No domingo (06/06), será a vez da prova da 8ª etapa, prevista para às 9h35. Ambas terão duração de 15 voltas.
 
A 5ª etapa, que foi adiada por causa da chuva torrencial que caiu sobre o circuito de Brands Hatch, foi remarcada para o fim de semana dos dias 7 e 8 de agosto, na etapa de Snetterton.
 
Veja os tempos dos treinos livres desta sexta-feira:
1º) Lewis Williamson (ING), 1min18s085;
2º) Tom Blomqvist (SUE), a 0s153;
3º) Tama’s Pa’l Kiss (HUN), a 0s283;
4º) Will Stevens (ING), a 0s358;
5º) David McDonald (ING), a 0s369;
6º) Ollie Millroy (ING), a 0s564;
7º) Harry Tincknell (ING), a 0s692;
8º) Thomas Hylkema (HOL), a 0s759;
9º) Alex Lynn (ING), a 0s856;
10º) Robert Foster-Jones (ING), a 1s026;
13º) Fabio Gamberini (BRA), a 1s292;
16º) Victor Corrêa (BRA), a 1s676.
 
Veja os primeiros colocados no Campeonato Inglês de F-Renault após cinco etapas: 
1º) Tama’s Pa’l Kiss (Hungria), 142 pontos;
2º) Will Stevens (Inglaterra), 137;
3º) Harry Tincknell (Inglaterra), 130;
4º) Lewis Williamson (Inglaterra), 112;
5º) Tom Blomqvist (Suécia), 101;
6º) Ollie Millroy (Inglaterra), 68;
15º) Victor Corrêa (Brasil), 37;
18º) Fábio Gamberini (Brasil), 17.
 
O piloto Victor Corrêa é patrocinado pela Unifenas e apoiado por Corsa e Artmix.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *