F-Renault: Marcos Martinez lidera a World Series e Albert Costa a F-Renault Européia

O circuito belga de Spa-Francorchamps recebeu no último final de semana a segunda rodada dupla da World Series Renault 3.5, da F-Renault Européia e do Mégane Thophy Eurocup.

World Series Renault 3.5:

Saindo da segunda posição do grid, o espanhol Marcos Martinez, da Pons, venceu a terceira prova consecutiva do ano, com o belga Bertrand Baguette, da Draco, em 2º. O espanhol Miguel Molina, da Ultimate, completou o pódio da primeira prova da etapa. O espanhol Marco Borba, da Draco, que marcou a pole-position, terminou em 7º.

Os 78 mil espectadores presentes viram o inglês James Walker, da P1 Motorsport, quebrar a hegemonia de Martinez, ao vencer a segunda prova, que foi disputada com chuva nas voltas finais. Walker havia largado em segundo no grid, e assumiu a liderança no retorno do pit stop.

Pole-position, Baguette foi novamente o 2º, com Molina em 3º. Martinez terminou na 5ª posição.

Martinez lidera o campeonato com 45 pontos, oito a mais do que Baguette.

A próxima etapa acontece no dia 24 de maio, em Mônaco.

Final, prova 1:

1 – Marcos Martinez – Pons – 22 voltas em 46’36″943
2 – Bertrand Baguette – Draco – 3″816
3 – Miguel Molina – Ultimate – 11″052
4 – Charles Pic – Tech 1 – 14″668
5 – Daniil Move – P1 – 14″887
Volta mais rápida: Bertrand Baguette 2’06″518

Final, prova 2:
1 – James Walker – P1 – 21 voltas em 47’45″056
2 – Bertrand Baguette – Draco – 6″421
3 – Miguel Molina – Ultimate – 11″983
4 – Daniil Move – P1 – 18″066
5 – Marcos Martinez – Pons – 18″982
Volta mais rápida: James Walker 2’04″030

Campeonato:
1.Martinez 45 pontos; 2.Baguette 37; 3.Walker 24; 4.Molina 21; 5.Valles, Van der Drift, Pic 16;

F-Renault Européia:

O espanhol Albert Costa, da Epsilon Euskadi, venceu a primeira prova da etapa, no dia em que completou 19 anos. Costa largou na pole-position e liderou as 12 voltas da corrida.

O português Antonio Felix Da Costa, da Motopark, foi o 2º, com o francês Jean Eric Vergne, da SG, fechando o pódio.

Estreando na categoria, o brasileiro Luis “Pipo” Derani, da Motopark, terminou em 20º.

Costa completou o final de semana perfeito vencendo a segunda prova. Ele conquistou as duas poles,venceu as duas corridas de ponta a ponta, e marcou as melhores voltas.  

Derani se envolveu em um acidente no começo da segunda volta, com Carlos Munoz, da Epsilon Euskadi, e Nigel Melker, da MP Motorsport. Os três abandonaram a prova, acionado o Safety-Car.

Costa lidera o campeonato com 47 pontos, um a mais do que da Costa.

Final, prova 1:

1 – Albert Costa – Epsilon Euskadi – 12 voltas em 28’00″641
2 – Antonio Felix Da Costa – Motopark – 3″025
3 – Jean Eric Vergne – SG – 5″973
4 – Adrian Quaife Hobbs – Motopark – 6″309
5 – Kevin Magnussen – Motopark – 7″815
20 – Luis Derani – Motopark – 31″639
Volta mais rápida: Albert Costa 2’20″081

Final, prova 2:
1 – Albert Costa – Epsilon Euskadi – 11 voltas em 27’31″983
2 – Antonio Felix Da Costa – Motopark – 1″249
3 – Adrian Quaife Hobbs – Motopark – 1″989
4 – Kevin Magnussen – Motopark – 4″548
5 – Miki Monras – SG – 6″756
Ab – Luis Derani – Motopark – 1 volta
Volta mais rápida: Albert Costa 2’19″610

Campeonato:

1. Costa 47; 2.Da Costa 46; 3.Berthon 24; 4.Monras 22; 5.Quaife-Hobbs 21;

Mégane Thophy Eurocup:

O suíço Jonathan Hirschi, da TDS, venceu as duas provas da segunda rodada dupla da temporada.  

Hirschi lidera o campeonato com 58 pontos.

Final, prova 1:
1 – Jonathan Hirschi – TDS – 15 voltas em 38’12”865
2 – Mike Verschuur – Verschuur – 5″364
3 – Matthieu Cheruy – Tech 1 – 15″961
Volta mais rápida: Jonathan Hirschi – TDS – 2’26”879

Final, prova 2:
1 – Jonathan Hirschi – TDS – 14 voltas em 41’10”754
2 – Pierre Thiriet – TDS – 1″568
3 – Michael Rossi – Boutsen – 2”100
Volta mais rápida: Michael Rossi – Boutsen – 2’28”168    

Campeonato:
1.Jonathan Hirschi    58 pontos; 2. Mike Verschuur 38; 3. Pierre Thiriet 30;

F-Renault Norte-Européia:

Hockenheim, na Alemanha, recebeu a segunda rodada dupla da F-Renault Norte-Européia, nos dias 25 e 26 de abril.

A Motopark dominou o pódio da primeira prova da etapa, com o português Antonio Felix da Costa, vencendo pela segunda vez consecutiva, seguido do inglês Adrian Quaife Hobbs e do dinamarquês Kevin Magnussen, que largou na pole-position.

O brasileiro Luis “Pipo” Derani, também da Motopark, terminou em 5º. O sul-africano Arnold Neveling, da SL, foi o 8º, garantindo a pole para a segunda prova, devido ao regulamento que inverte os oito primeiros para o grid da segunda prova.

A Motopark, com o colombiano Juan Jacobo, venceu a segunda prova. O domínio da equipe, contudo não foi tão forte, com o finlandês Daniel Aho, da Koiranen, e Neveling completando o pódio.

Derani vinha na 4ª posição, quando foi acertado na traseira por Magnussen, que tentava superar Da Costa no Hairpin. Com a suspensão traseira direita do carro danificada Derani abandonou.

Da Costa lidera o campeonato com 99 pontos. Jacobo é o vice-lider, somando 72. Derani, com 23, é o 16º.

A terceira rodada dupla só acontece nos dias 13 e 14 de junho em Alastaro, na Finlândia.

Final, prova 1:
1 – Antonio Felix Da Costa – Motopark – 15 voltas em 25’15″839
2 – Adrian Quaife Hobbs – Motopark – 2″384
3 – Kevin Magnussen – Motopark – 12″441
4 – Marco Sorensen – Motopark – 13″505
5 – Luis Derani – Motopark – 18″065
Volta mais rápida: Kevin Magnussen 1’39″979

Final, prova 2:
1 – Juan Jacobo – Motopark – 15 voltas em 25’39″650
2 – Daniel Aho – Koiranen – 2″263
3 – Arnold Neveling – SL – 4″413
4 – Marco Sorensen – Motopark – 9″463
5 – Nigel Melker – MP – 16″646
Ab – Luis Derani – Motopark – 2 voltas
Volta mais rápida: Marco Sorensen 1’41″202

Campeonato:
1. Antonio Felix da Costa 99 pontos; 2. Juan Jacobo 72; 3. Marco Sorensen 69;16. Pipo Derani  23 pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *