F1: Agente dá permanência de Kubica na Renault como quase certa

O futuro imediato de Robert Kubica não deve incluir surpresas. Nesta segunda-feira, seu empresário, Daniel Morelli, sugeriu fortemente que o piloto cumprirá o contrato assinado com a Renault para a temporada 2010 da Fórmula 1, embora tenha dito que “algum tempo” ainda é necessário até a decisão final ser tomada.

Em 16 de novembro, a Renault anunciou a permanência na Fórmula 1 sob uma condição: vendeu 75% de suas ações para o fundo de investimentos com sede em Luxemburgo Genii Capital, companhia desconhecida até para o próprio Kubica. Por isso, seu agente havia pedido “mais informações” sobre parceria antes de definir o futuro.

Quase dois meses depois, a escuderia parece ter conseguido convencer o polonês de que a situação não mudou tanto assim desde quando o contrato foi assinado, no início de outubro. “Estamos indo na direção certa”, disse Morelli ao site da rede britânica BBC. “Não houve dúvidas, na verdade, mas foi importante termos entendido quem estariam nos papéis-chave do time e também o orçamento – fundamental para desenvolver o carro”.

Nesse contexto, ainda que o agente tenha dito não estar “na posição de dizer se (Kubica) vai ficar ou sair”, a emissora assegurou que, na prática, o polonês já optou por prosseguir sua carreira na Renault. Observando o cenário, não existem boas opções para ele após a contratação de Michael Schumacher pela Mercedes GP. À exceção de estreantes, os únicos times ainda com vagas disponíveis são Sauber e Toro Rosso, que não devem reunir forças para buscar grandes resultados em 2010.

O time francês, por sua vez, espera “lutar pelas três primeiras posições” do próximo Mundial de Construtores, segundo previu seu chefe, Bob Bell, na última sexta, ao Autosport. “Nosso real objetivo é estar pronto para uma boa campanha em 2011”, comentou o dirigente, que dentro de dois anos projeta buscar mais um título mundial para se juntar aos de 2003 e 2004, conquistados por Fernando Alonso.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *