F1: Alonso se recupera e quebra domínio da Brawn GP

Um dia depois de bater forte, Fernando Alonso interrompeu o domínio da Brawn GP nos testes da Fórmula 1. Nesta segunda-feira, o espanhol ficou com o melhor tempo no circuito de Jerez de la Frontera, à frente de Rubens Barrichello e Jenson Button.

O piloto da Renault ficou menos de um décimo de segundo abaixo do brasileiro. A equipe de Ross Brawn, antiga Honda, ficou com os melhores desempenhos nas últimas quatro sessões de tesres da Fórmula 1.

Em 99 voltas, o espanhol conseguiu cravar 1:18.343 com a sua R29. Rubinho, que só andou pela manhã, teve o segundo melhor tempo, com 1:18.398.

Pela tarde, quem guiou o carro da Brawn GP foi Jenson Button, que deu apenas 12 voltas no traçado e ficou com o terceiro tempo, com 1:18.892. O tempo foi suficiente para superar a McLaren mais uma vez. Lewis Hamilton virou 1:19.513.

Confira os tempos:
1. Alonso – Renault – 1min18s343 (99 voltas)
2. Barrichello – Brawn-Mercedes – 1min18s398 (62 voltas)
3. Button – Brawn-Mercedes – 1min18s892 (12 voltas)
4. Hamilton – McLaren-Mercedes – 1min19s513 (85 voltas)
5. Rosberg – Williams-Toyota – 1min19s783 (123 voltas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *