F1: Após a ressaca, Button negocia futuro “quero ficar na Brawn”

Certo é que o piloto inglês quer novamente estar em um carro vencedor, para tentar o bicampeonato – no grid atual, apenas o espanhol Fernando Alonso soma mais de uma taça na Fórmula 1. Para 2009, Button enfrentou um período de desemprego com o fechamento da Honda e, além disso, teve de aceitar um salário inferior na novata Brawn.

Apesar de o contrato se encerrar, ele quer um novo acordo. “Eu quero ficar aqui no próximo ano, quero estar em um time que dispute vitórias como foi nesta temporada e sei que a Brawn pode fazer isso”, afirmou Button, após garantir o título antecipado em Interlagos.

“Esses caras não são de vencer apenas uma vez”, disse ele, que está programado para voltar à Inglaterra em jato particular nesta segunda-feira. “Temos pessoas talentosíssimas na equipe. Estamos em uma ótima posição, trabalhamos muito no carro deste ano, mas também pensamos no de 2010.”

Apesar disso, ele afirmou que ainda não conversou seriamente com a escuderia para o próximo ano. “Eu vou sentar e discutir assim que passar pela ressaca pela manhã”, brincou o piloto.

Pelo lado da equipe, Nick Fry, chefe-executivo, disse que espera manter o piloto. “Eu espero que sim. Ele quer ficar conosco e queremos que ele fique. É um bom começo”, disse ele, que deve enfrentar problemas apenas com o fato de o inglês ter se valorizado com o título.

Por outro lado, Rubens Barrichello não deve continuar com a equipe. Os rumores são de mudança para a Williams, mas ainda não foi confirmada oficialmente a negociação.

Fonte: UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *